Mecanica dos solos i

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2457 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS

RELATÓRIO

Mecânica dos solos I





Setembro/2012

ÍNDICE PÁG.
1. INTRODUÇÃO.......................................................................................................3
2. OBJETIVO...............................................................................................................3
3.REFERÊNCIAS E NORMAS COMPLEMENTARES...........................................3
4. MATERIAIS E MÉTODOS.....................................................................................4
5. RESULTADOS.........................................................................................................8
6.CONCLUSÕES.......................................................................................................

I. INTRODUÇÃO
Foram realizados ensaios para a determinação do teor de umidade em solos, através dos métodos da estufa, speedy, balança com dispositivo infravermelho, torninho de talhagem e massa especifica (peneira 4,8mm).

II. OBJETIVO
O mesmo tem como objetivo apresentar os conhecimentos adquiridos durante as aulas de laboratório referentes aos ensaios paradeterminação de teor de umidade do solo.
Através deste, mostraremos os métodos utilizados para a execução de cada ensaio e seus resultados.

III. REVISÃO BIBLIOGRÁFICA
A água é a substância mais reciclável da natureza. Ela faz parte de todas as formas de vida dos reinos vegetal e animal e encontra-se por toda parte na crosta terrestre e na atmosfera. O solo é um sistema constituído desólidos, líquidos e gases. As partículas sólidas formam um arranjo poroso que têm capacidade de armazenar líquidos e gases.
A parte líquida do solo constitui-se essencialmente de água, contendo minerais dissolvidos e materiais orgânicos solúveis. Ela ocupa parte do espaço vazio entre as partículas sólidas, dependendo da umidade do solo
Os métodos para ensaio de determinação do teor de umidade podem serdivididos em diretos e indiretos, sendo, métodos diretos quando a água é retirada do material para ser realizada a pesagem, e indiretos são utilizadas as características físicas relacionada com o teor de umidade.
A retirada da água realizada pelo método direto é feita através de processos de aquecimento e seu cálculo é feito pela diferença de peso no inicio e fim desse processo.
Estufa,infravermelho, são alguns exemplos desse método direto. O método da estufa é um dos mais tradicionais para determinação do peso seco, nesse ensaio a amostra mantida com temperatura entre 105 °C e 110 °C, até que apresente peso constante, ou seja a água foi perdida por meio de evaporação.
A determinação do teor de umidade através do método speedy, é um processo que considera a pressão do gás resultanteda reação da água contida na amostra com carbureto de cálcio, é um dos métodos mais utilizados.

IV. MATERIAIS E MÉTODOS

1. MÉTODO ESTUFA:
O método da estufa é o ensaio mais indicado para determinar o teor de umidade de um solo devido ao seu alto nível de precisão, porém, o mesmo não pode ser feito em campo por ser necessário a obtenção de uma estufa elétrica na qual os resultados sópoderão ser obtidos depois da retirada das amostras na estufa. O tempo de permanência das amostras são de cerca de 16 horas para solos arenosos e até 24 horas para solos argilosos. O teor de umidade pode ser calculado, pois antes de serem colocadas na estufa as amostras são pesadas úmidas, e quando saem da estufa já secas permite-se fazer o cálculo da quantidade da massa de água que foi perdida noprocesso.
Teor de umidade de solos é a razão entre a massa de água que evaporou na estufa a 105ºC e a massa de grãos de solo seco em estufa a mesma temperatura.

1.1. Materiais:
Para a realização do Ensaio foram necessários os seguintes equipamentos:
a) Estufa capaz de manter a faixa térmica 105°-110° C;
b) Cápsula de alumínio média sem absorção de umidade para conter a...
tracking img