Mecanica dos solos i

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2775 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução:
Movimentos em Massa: situações em que se movimenta uma grande massa de materiais sólido, quase sempre de uma forma brusca e inesperada, ao longo de uma vertente.
 Fatores condicionantes dos movimentos em massa:
. A inclinação dos terrenos:
. Um terreno horizontal é estável;
. Um terreno pouco inclinado é moderadamente estável;
. Um terreno muito inclinado éinstável.
Fatores desencadeantes dos movimentos em massa:
· Inclinação do terreno;
· Precipitação;
· Acção do Homem;
· Ocorrência de sismos;
· Gravidade;
· Quantidade de água no solo;
· Tipo de material de que é constituído o solo;
· Tempestades nas zonas costeiras.
Nas vertentes existem permanentemente movimentações de materiais devido à ação da gravidade. Existegrande variabilidade em tais movimentações, podendo ser extremamente lentas, imperceptíveis ao longo de muitos anos, ou verificar-se de forma devastadoramente rápida, transferindo para posições mais baixas grandes volumes de rochas e de sedimentos. Estas movimentações dependem do pendor da vertente e da estabilidade dessa vertente.
Como se referiu, o "motor" das movimentações de massa é a gravidade.Numa vertente a força da gravidade pode ser decomposta em duas componentes principais, uma atuando de forma perpendicular (gp) e outra atuando tangencialmente (gt) à superfície da vertente.
À medida que a inclinação da vertente aumenta a componente tangencial (gt) da gravidade aumenta e a componente perpendicular (gp) diminui.


A componente tangencial da gravidade é a responsável pelaeventual movimentação e designa-se geralmente por tensão tangencial.
As forças que se opõem ao movimento (atrito, coesão de partículas, etc.) são vulgarmente designadas por forças de resistência.
A quantidade de água no solo pode ser determinante para criar instabilidade numa vertente.












































PRINCIPAISTIPOS DE MOVIMENTO DE MASSA:



Genericamente os movimentos gravitacionais podem ser enquadrados nas seguintes categorias:
a) Rastejo
É um movimento extremamente lento de poucos centímetros ao ano. Basicamente se dá pela movimentação como um todo, do manto de alteração de uma encosta; deslocando e abrindo fendas nas partes inferiores (solo residual e rocha). Este movimento afeta grandesáreas e não apresenta uma superfície de ruptura muito bem definida. Com o aumento da velocidade pode se transformar em um escorregamento.
A existência de rastejo numa área pode ser notada pela inclinação de árvores, cercas ou postes. Normalmente, este é um dos movimentos mais lento que existe mas, com o aumento da saturação de água no solo, ele pode assumir uma maior velocidade, tornando-se um perigopara as construções que existem nesta vertente ou neste vale.
[pic]

 

b) Escorregamento
 Movimento rápido de massas do solo e/ou rocha, com volume bem definido, sendo que o centro de gravidade do material se desloca para baixo e para fora do talude, seja ele natural, de corte ou aterro. Esse processo está associado a ruptura de cisalhamento, devido ao aumento das forças de tensões ou aqueda de resistência, em períodos relativamente curtos, podendo ser classificados de acordo com sua geometria e a natureza do material, da seguinte forma (clique nas palavras sublinhadas para obter maiores informações):
Escorregamentos Planares (Translacionais): em maciços rochosos o movimento é condicionado por estruturas geológicas planares, tais como: xistosidade, fraturamento, foliação, etc. Nasencostas serranas brasileiras são comuns escorregamentos planares de solo, com ruptura podendo ocorrer no contato com a rocha subjacente.
Escorregamentos Circulares (Rotacionais): apresenta superfície de deslizamento encurvada,  correspondendo a movimento rotacional, segundo um eixo. Ocorre geralmente em aterros, pacotes de solo ou depósitos mais espessos, rochas sedimentares ou cristalinas...
tracking img