Maquiavel

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2214 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PRINCIPAIS OBRAS DE MAQUIAVEL
Publicadas em vida
-         A Primeira Decenal, Florença, 1506.
-         A Arte da Guerra, pelos herdeiros de Filippo Giunta, 1521, prega a criação de milícias populares e o fim das forças armadas permanentes que ameaçam a república. Na introdução desta obra, incorpora o pensamento de Platão de que os jovens escolhidos para fazer parte das milícias precisamreceber tratamento especial a fim de se acostumarem aos percalços das guerras.
-         A Mandrágora, duas primeiras edições sem data. A terceira é de 1524, em Roma. É considerada a maior comédia Italiana de todos os tempos, recheada de erotismo e sarcasmo.
Obras póstumas
- A) Os discursos sobre a primeira década de Tito Lívio ou Comentários sobre os primeiros dez livros de Tito Lívio, Roma eFlorença, 1531, são o estudo comparativo dos vícios da história romanas com o período renascentista. Esta e a A Arte da Guerra são obras consideradas importantes para se compreender O Príncipe.
"Discursos", como também é conhecida a referida obra, foi escrito por Maquiavel quatro anos após haver concluído "O Príncipe", o que justifica suas perceptíveis semelhanças com o primeiro. No entanto, o que odistingue de "O Príncipe" é a análise detalhada da república, em que o autoro claramente se coloca em favor desta, a apontar suas principais características observadas no decorrer da história e modos de melhorá-la, ou de ao menos mantê-la. Assim, pode-se considerar Maquiavel como sendo, indubitavelmente, um pensador indutivo - utiliza-se de inúmeros exemplos históricos com o fim de sustentar suasafirmações. No entanto, seu propósito não é sempre impecavelmente atingido, mesmo porque a realidade não segue regras e é, portanto, muito mais complexa do que se pode teorizar.
A obra é começada com a citação da origem das cidades, que podem estabelecer-se devido a um grupo de cidadãos juntar-se a visar maior segurança; a estrangeiros que querem assegurar o território conquistado, a estabelecer,ali, colônias; ou mesmo a fim de exaltar-se a glória do Príncipe.
As repúblicas nascem com o surgimento das cidades e, assim, constituem três espécies, que são: a monarquia, aristocracia e despotismo. Três que podem evoluir para o despotismo, oligarquia e anarquia, respectivamente. É claro, neste ponto, o pessimismo de como a sociedade é vista por Maquiavel: é a dialética de dois termos, quetrata da sucessão entre ascendência e decadência, a formar um ciclo vicioso. Maquiavel acredita, ainda, que todos princípios corrompem-se e degeneram-se, a ser possível ser corrigido somente via acidente externo (fortuna) ou por sabedoria intrínseca (virtu).
A voltar-se às espécies de repúblicas, chega-se à conclusão de que a sua melhor forma seria o equilíbrio, dito como ser a "justa medida",segundo Aristóteles. Tal equilíbrio pode manter-se através das próprias discordâncias entre o povo e o Senado, já que estes, em conjunto, representam e lutam pelos interesses gerais do Estado.
O Estado é, então, definido como o poder central soberano; é o monopólio do uso legítimo da força, como diria Weber. As leis são estabelecidas nas práticas virtuosas da sociedade e com o cuidado de não repetir oque não teve de êxito. Por isso, é dito que não há nada pior do que a deixar ser desrespeitada. Se isso ocorrer, tornar-se clara a falha do exercício do poder de quem a corrompe. Em contrapartida, em se tratando de Estado, tudo é válido, desde a violação de leis e costumes e tudo mais que for necessário para atingirem-se as conseqüências visadas: os fins justificam os meios.
Nessa visão de poderdo Estado, é clara a importância da religião, pois em nome dela são feitas valer muitas causas em favor do Estado. A religião é, sob a visão de Maquiavel, um instrumento político-é usada de modo a justificar interesses os mais peculiares e, também, como conforto à população, que anda sempre em busca de ideais, a estar disposta até mesmo a conceder sua vida em busca destes.
O êxito de uma...
tracking img