Manual

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1495 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
26/08/2010

Francisco Carlos de Campos Engenheiro Sanitarista www.cvs.saude.sp.gov.br sama@cvs.saude.sp.gov.br acesp@cvs.saude.sp.gov.br

Lei nº. 10083 de 23 de Setembro de 1998 Dispõe sobre o Código Sanitário
•Artigo 11 – Constitui finalidade das ações de vigilância sanitária sobre o meio ambiente o enfrentamento dos problemas ambientais e ecológicos, de modo a serem sanados ou minimizadosa fim de não representarem risco à vida, levando em consideração aspectos da economia, da política, da cultura e da ciência e tecnologia, com vistas ao desenvolvimento sustentado, como forma de garantir a qualidade de vida e a proteção ao meio ambiente. •Artigo 12 – São fatores ambientais de risco à saúde aqueles decorrentes de qualquer situação ou atividade no meio ambiente, principalmente osrelacionados à organização territorial, ao ambiente construído, ao saneamento ambiental, às fontes de poluição, à proliferação de artrópodes nocivos, a vetores e hospedeiros intermediários às atividades produtivas e de consumo, às substâncias perigosas, tóxicas, explosivas, inflamáveis, corrosivas e radioativas e a quaisquer outros fatores que ocasionem ou possam vir a ocasionar risco ou dano àsaúde, à vida ou a qualidade de vida.

1

26/08/2010

PROCEDIMENTOS PARA IDENTIFICAÇÃO DE RISCOS À SAÚDE HUMANA NO ENTORNO DOS POÇOS DE COMBUSTÍVEIS

BRASIL
36.730 Postos de Combustíveis ESTADO DE SÃO PAULO
8.596 Postos de Combustíveis

26,43%
2.272 postos declarados pela Cetesb como Contaminados
Fonte: ANP/SAB, conforme as Portarias ANP 116/2000 e 32/2001

2

26/08/2010Distribuição Percentual dos Postos revendedores de combustíveis automotivos no Brasil segundo Bandeira - 2008

Outras 11,11% Bandeira Branca 43,34% BR 17,02%

Ipiranga 10,68% Esso 4,00% Shell 5,49% Chevron 5,48%

Alesat 2,88%
Fonte: ANP/SAB, conforme as Portarias ANP 116/2000 e 32/2001

Distribuição Percentual dos Postos revendedores de combustíveis automotivos no ESP segundo Bandeira - 2008Outras 5,38% Bandeira Branca 47,70%

BR 15,06% Ipiranga 10,01%

Esso 5,61%

Shell 9,61%

Chevron 4,82%
Fonte: ANP/SAB, conforme as Portarias ANP 116/2000 e 32/2001

Alesat 1,83%

3

26/08/2010

Total Brasil ESP

Quantidade de bases de Distribuição 508 142

Capacidade Nominal (m³) Petróleo 2.847.557 672.762 GLP 134.160 41.220 Álcool 612.321 208.137

Transportadores RevendedoresRetalhista – TRRs Total Brasil 459 ESP 92

Fonte: ANP/SAB, conforme a Portaria ANP 201/1999, Resolução ANP 8/2007 e Portaria MME 10/1997

Introdução
A contaminação de águas subterrâneas por vazamentos em postos de combustíveis vem merecendo cada vez mais atenção tanto da população em geral como dos órgãos estaduais de saúde e de controle ambiental. Ênfase é dada as ações das baseadas norisco à saúde, ao uso dos dados ambientais e dos possíveis efeitos que podem causar a saúde em caso de contaminação dos aqüíferos.

4

26/08/2010

Introdução
As áreas potenciais de contaminação tratada neste trabalho compreendem o entorno dos Postos de Vendas de Combustíveis pela contaminação dos solos, das águas subterrâneas e do ar provocadas por vazamentos de derivados do petróleo devido àcorrosão em tanques enterrados e falhas operacionais do sistema.

Fonte de Emissão

Grande parte dos vazamentos ocorre em pequenos volumes por um longo período de tempo.

5

26/08/2010

Contaminação do solo por BTXE
O armazenamento subterrâneo de produtos químicos pode provocar a contaminação das águas a partir de vazamentos que percolam através do solo ao longo dos anos e podematingir os lençóis freáticos e galerias pluviais.

Metodologia da Agency for Toxic Substances and Disease

Registry – ATSDR

Agência para Substâncias Tóxicas e Registro de Doença

6

26/08/2010

Rota de Exposição
O que é uma rota de exposição?
A rota de exposição é um processo que permite o contato dos indivíduos com os contaminantes originados em uma fonte de contaminação. A rota de...
tracking img