Manual da dengue

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2059 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]



























COLABORADORES: Ana Lúcia Rodrigues

Andréa Lima Cavalcante

Edna da Silva Albuquerque

Sumário
2 INTRODUÇÃO 3

3 Dengue 4

3.1 Vetor 5

3.2 Ciclo biológico 5

4 Modo de transmissão 7

4.1 Período de transmissão 74.2 Períodos de incubação 7

4.3 Aspectos clínicos 8

4.3.1 Dengue clássica 8

4.3.2 Dengue Hemorrágica 8

4.4 Tratamento 8

5 Medidas preventivas 9

5.1 Cuidados fora de casa 9

5.2 Dentro de casa 10

5.3 Cuidados com o lixo 10

6 Conclusão 11

7 Referências 12

INTRODUÇÃO

O
dengue hoje a mais importante arbovirose que afeta o homem e constituium sério problema de saúde pública no mundo, especialmente em regiões tropicais onde existem condições do meio ambiente favoráveis para o desenvolvimento e a proliferação do Aedes aegypti, principal mosquito vetor. Ate o presente momento não existe nenhum tratamento preventivo ou curativo do dengue, as intervenções estão direcionadas à eliminação do mosquito transmissor. No Brasil, o problematornou-se grave por ser um país que ocupa grande espaço geográfico e com condições climáticas favoráveis para a proliferação do mosquito, além de alguns fatores que influem na densidade de mosquitos, como as condições de saneamento e os aspectos socioeconômicos e culturais das comunidades.

O mosquito Aedes aegypti é a principal espécie responsável pela transmissão da dengue. É um mosquitodoméstico, com atividade hemátofadica diurna, e utiliza-se preferencialmente de depósitos artificiais de água limpa para colocar os seus ovos. Estes tem uma alta capacidade de resisti à dessecação, mantendo-se viáveis na ausência de água por vários dias. O Aedes aegypti tem mostrado uma grande capacidade de adaptação a diferentes situações ambientais consideradas desfavoráveis Adultos já foram encontradosem altitudes elevadas e larvas em água poluídas.

As larvas desse mosquito se mantêm, principalmente, em pneus, caixas d`água, vasos de plantas, latas, garrafas, potes entre outros objetos que acumulam água. Estes criadouros são facilmente encontrados nas residências e terrenos baldios.

Este manual tem como objetivos orientar a população em geral sobre o dengue, como se transmite adoença, sinais e sintomas presentes e as principais medidas de prevenção.


DENGUE

A
dengue é uma doença bastante antiga sendo reconhecida em textos médicos asiáticos da antiguidade. Na segunda metade do século VII , foram reportados surtos epidêmicos na África, Ásia e América do norte (Lupi,2005)

A dengue é uma doença aguda caracterizada, em sua forma clássica, por dores musculares earticulares intensas. Tem como agente um arbovírus do gênero Flavivírus, do qual existem 4 sorostipos: DEN- 1, DEN- 2 DEN-3 DEN-4. Trata-se caracteristicamente, de enfermidade de áreas tropicais e subtropicais, onde as condições do ambiente favorecem o desenvolvimento dos vetores. Varias espécies de mosquitos do gênero Aedes podem servi como transmissores do vírus do dengue. No Brasil, duas delasestão instaladas: Aedes aegypti e Aedes albopictus. A transmissão ocorre quando a femea da espécie vetora se contamina ao picar um individuo infectado que se encontra na fase virulêmica da doença, tornando-se, após um período de 10 a 14 dias, capaz de transmiti o vírus por toda a sua vida através de sua picada.

As infecções pelo vírus do dengue causam deste a forma clássica (sintomática ouassintomática) e a febre hemorrágica do dengue (dengue hemorrágica). Na forma clássica, a doença tem baixa letalidade e comumente confundida com viroses que acomete a população na época do inverno, incapacitando as pessoas temporariamente para o trabalho.

No dengue hemorrágica a febre é alta, com manifestações hemorrágicas, hepatomegalia, e insuficiência circulatória. A letalidade é maior do que na...
tracking img