Manifesto comunista - resumo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (414 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Uma das ideias mais importantes de todo o “Manifesto Comunista” é o internacionalismo proletário, dando um caráter bastante organizado e concreto a essa expressão. Sua frase final, “Proletários detodos os países, uni-vos!” (MARX & ENGELS, 1998, p. 69), sintetiza como esse é um elemento fundamental não apenas para o movimento socialista, mas para um humanismo revolucionário, mostrando como osantagonismos e opressões de uma classe sobre a outra e o desenvolvimento do capitalismo transcendem fronteiras nacionais e assim devem ser encarados e enfrentados pelo proletariado.
A concepçãomaterialista da História, formulada por Marx antes da publicação dessa obra, está presente, mostrando como é impossível um ser humano ser minimamente construído politicamente sem uma concepção de construçãohistórica da sociedade, da apropriação dos meios de produção, da própria luta de classes, da organização dos movimentos sociais. “Até hoje, a história de todas as sociedades até hoje existentes é ahistória das lutas de classes.” (MARX & ENGELS, 1998, p. 40). Essa tese, além de ser uma conclusão da concepção materialista-histórica, coloca o conflito de interesses materiais como força motriz dasociedade.
Muito mais do que construir uma teoria de Estado (apesar de defini-lo muito claramente como um comitê para gerir os negócios da classe burguesa), o “Manifesto Comunista” faz uma análise daanatomia do capitalismo, não tão profunda como na obra “O Capital”, mas traçando linhas bastante nítidas: a redistribuição do trabalho, a apropriação da mais-valia pelos capitalistas, a concorrênciaregendo todas as relações sociais, a ruína das classes médias, o lúmpem-proletariado, a extrema concentração de riquezas e, enfim, a preparação de condições materiais e políticas que permitiriam aascensão de um regime socialista. Aponta ainda a susceptibilidade do capitalismo a crises comerciais-industriais como uma série de catástrofes crescentes e constantes, decorrentes de sua organização...
tracking img