Louis althusser

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2593 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Nove de Julho

Louis Althusser
Aparelhos Ideológicos do Estado

São Paulo
Outubro
2011

Universidade Nove de Julho

Louis Althusser
Aparelhos Ideológicos do Estado

Relatório apresentado à disciplina de Sociologia da Educação do curso de Pedagogia da Universidade Nove de Julho para compor a nota da AV2, sob orientação da Profª Ms Andreia Mingues

São Paulo
Outubro2011
Louis Althusser
Biografia


Aparelhos Ideológicos do Estado
O Estado
A tradição marxista concebe o estado como um aparelho repressivo, uma máquina de repressão que permite às classes dominantes assegurar a sua dominação sobre a classe operária, extorquindo a mais-valia. O Estado é, antes de qualquer coisa, o Aparelho de Estado, termo que compreende não somente o aparelhoespecializado, mas também o exército (que intervém como força repressiva de apoio em última instância), o Chefe de Estado, o Governo e a Administração.Define-se o Estado como força de execução e de intervenção repressiva a serviço da "classe dominante".
O essencial da teoria marxista do Estado
O Estado (e sua existência em seu aparelho) só tem sentido em função do poder de Estado (manutenção ou tomada dopoder de Estado), muito embora eles sejam duas coisas distintas entre si. O Aparelho de Estado pode permanecer de pé sob acontecimentos políticos que afetem a posse do poder de Estado.
Para os clássicos do marxismo:
* O Estado é o Aparelho Repressivo do Estado;
* Deve-se distinguir o poder de Estado do Aparelho de Estado;
* O objetivo da luta de classes diz respeito ao poder de Estadoe, conseqüentemente, à utilização do Aparelho de Estado pelas classes;
* O proletariado deve tomar o poder do Estado para destruir o aparelho burguês existente, substituí-lo em uma primeira etapa por um aparelho de Estado completamente diferente (proletário) e elaborar nas etapas posteriores um processo radical, o da destruição do Estado (fim do poder de Estado e de todo Aparelho de Estado).Os Aparelhos Ideológicos de Estado (AIE)
Os clássicos do marxismo trataram do Estado como uma realidade mais complexa do que a definição da teoria marxista do Estado; porém, não a exprimiram numa teoria correspondente.
Gramsci também o fez: para ele, o Estado não se resumia ao Aparelho (repressivo) de Estado, compreendendo também um certo número de instituições da sociedade civil. Entretanto,Gramsci não sistematizou suas intuições, que permaneceram no estado de anotações.
Na teoria marxista, o Aparelho Repressivo de Estado compreende o governo, a administração, o exército, a polícia, os tribunais, a prisões, etc. Repressivo porque o Aparelho de Estado em questão funciona através da violência (física ou não, como a violência administrativa), pelo menos em situações limite.
Os AparelhosIdeológicos de Estado designam realidades que se apresentam na forma de instituições distintas e especializadas. São eles:
* AIE religiosos (o sistema das diferentes Igrejas);
* AIE escolar (o sistema das diferentes escolas públicas e privadas);
* AIE familiar;
* AIE jurídico;
* AIE político (o sistema político, os diferentes Partidos);
* AIE sindical;
* AIE cultural(Letras, Belas Artes, esportes, etc.);
* AIE de informação (a imprensa, o rádio, a televisão, etc.).
Os Aparelhos Ideológicos de Estado não se confundem com o Aparelho Repressivo de Estado, consistindo nos seguintes pontos essa diferença:
* Existe um único Aparelho Repressivo de Estado, enquanto que existe uma pluralidade de Aparelhos Ideológicos de Estado.
* Enquanto que o Aparelho(repressivo) de Estado pertence inteiramente ao domínio público, a maior parte dos Aparelhos Ideológicos de Estado remete ao domínio privado. Tais instituições privadas podem ser consideradas Aparelhos Ideológicos de Estado, pois a distinção entre o público e o privado é intrínseca ao Direito burguês e o domínio do Estado lhe escapa, estando além do Direito. O Estado (da classe dominante) não é nem...
tracking img