Losna

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1511 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
LOSNA (Artemisia absinthium L.) E AS POSSÍVEIS CONSEQUÊNCIAS DO USO EXCESSIVO DA BEBIDA ABSINTO.

POLIZELLO, Diego Santos; KUABARA, Kamila Mayumi;

CASTANHEIRA, Solange dos Anjos.



Resumo: A Artemisia absinthium L, popularmente conhecida como Losna é usada na medicina popular como óleo essencial, resinas e nitratos. Seu uso mais comum é na produção da bebida alcoólica absinto.Considerado essas informações, o presente trabalho teve como proposta principal evidenciar os efeitos colaterais do uso indiscriminado desta bebida, através da metodologia dedutiva-indireta por meio de indexadores da área e pesquisa bibliográfica. Foi possível concluir que, a planta tem como principio ativo uma enzima chamada α-Tujona, que inibe a atuação de impulsos nervosos no cérebro, fazendo comque os neurônios sejam facilmente estimulados e fiquem fora de controle, dando origem as convulsões, alucinações e crises epileptiformes com degeneração irreversível do sistema nervoso central.

Palavras-chave: Losna; Artemisia absinthium; plantas medicinais; convulsão; α-tujona; álcool.



















I. Introdução

Como uma das práticas mais antigas da humanidade,plantas medicinais vem sendo utilizadas para fins de tratamento, cura e prevenção (JUNIOR; PINTO, 2005). Medicamentos utilizados na medicina tradicional foram descobertos, a partir de conhecimentos e uso popular (ARNOUS et al., 2005).

Planta medicinal pode ser definida como qualquer vegetal que contenha um ou mais princípios ativos, que lhe conferem atividade terapêutica, que produzam emquantidade considerável, substâncias biologicamente ativas utilizadas direta ou indiretamente como medicamentos (MAFIA, et al., 2005).

Losna (Artemisia absinthium L) é popularmente conhecida como absinto, artemísia, erva dos vermes, gotas amargas, erva dos velhos, vermute, erva – dos – bichos. É uma planta herbácea, da família Asteraceae, que produz folhas recortadas, de coloraçãoverde-acinzentada e folhas amareladas, bem miúdas e reunidas em pequenos cachos. Suas virtudes medicinais são conhecidas desde a antiguidade. É citada num papiro que data de 1.600 a.C. A losna é aromática mas de sabor amargo, seu nome vem do grego e significa “privado de doçura”. Na Grécia, esta planta era dedicada à Ártemis, deusa da fecundidade e da caça. Daí a origem de seu nome científico. É tão amargaque na Bíblia é citada como símbolo das dificuldades e tristezas da vida. Planta de clima temperado, não resiste à geada, porém rebrota na primavera e é de origem europeia. Necessita de fornecimento regular de água, se propaga por sementes, por divisão de touceiras ou por estaquia (BALBACH, 1997).

Considerando a utilização da planta na produção da bebida absinto, o presente trabalho objetivouinvestigar os efeitos colaterais do consumo excessivo desta bebida, além de expor as situações nas quais essa planta pode ser nociva à saúde.











II. Metodologia

O presente trabalho foi desenvolvido por metodologia dedutivo-indireta a partir de pesquisa bibliográfica. Como estratégia para levantamento preliminar, utilizaram-se os indexadores da área (Tabela I), utilizandodas palavras chave: Losna; Artemisia absinthium L, plantas medicinais, α-Thujone.

Tabela I: Principais indexadores utilizados e seus respectivos endereços eletrônicos.

|Indexador |Endereço eletrônico |
|Scirus |http://www.scirus.com|
|Science Direct |http://www.sciencesirect.com |
|Pubmed |http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed |
|Scielo Brasil |http://www.scielo.com.br...
tracking img