Iamamoto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1589 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
TITULO: O Adolescente e o Ato Infracional

RESUMO
Este trabalho tem como finalidade a realização de analise acerca do adolescente e
dos atos infracionais como expressão da violência, levando em consideração os aspectos sociais envolvidos neste tema. O referido assunto que terá como metodologia as análises em textos científicos, e a internet, tendo como objetivo geral proposto o atoinfracional como expressão da violência, assim como também está voltado para a psicologia, antropologia, os fundamentos históricos e metodológicos de serviço social. Desse modo, se faz necessário, a principio, uma abordagem geral acerca do adolescente, analisando as influências do ambiente em que se encontram, em se tratando de Violência.

Palavra-chave: Adolescente. Ato Infracional. Violência.
SUMÁRIO1 INTRODUÇÃO ..3

2 DESENVOLVIMENTO .4

3 CONCLUSÃO 7

4 REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA..............................................................................8

INTRODUÇÃO

O presente trabalho serão apresentados diversos fatores em que os adolescentes e jovens estão em conflito com a lei, a partir desse estudo podemosperceber que e de suma importância o trabalho e conhecimento especifico do Assistente Social nessa área.
O Estatuto da Criança e do Adolescente trata em seu bojo dos atos infracionais cometidos por crianças e adolescentes, e traz também as medidas sócio-educativas a serem aplicadas aos mesmos, quanto ao adolescente seus direitos, os atos infracionais cometidos e suassoluções contidas em sua capacidade.
A expressão da violência trata sobre um tema de fundamental importância em nossa atualidade, pois os jovens são o futuro de nosso país, e com a crescente marginalização, não podemos perder a esperança no futuro de nosso país, e sim tentar reeducar os menores infratores, para que possam ser pessoas melhores no futuro com a ajuda dafamília e Estado.



DESENVOLVIMENTO
Os fatores que levam o adolescente a cometerem o ato infracional são muito complexos e variados, fatores intrínsecos e extrínsecos que interferem em sua formação e podem causar diversos danos ao individuo e a sociedade, quando ocorre alguma falha durante seu processo de amadurecimento do adolescente.
Pois é na adolescência um período muito confuso pra essejovem, o atrito mediante o meio familiar e social quando se deparam com diversas mudanças e alterações físicas e biológicas que alteram seu comportamento em suas relações, pois essas mudanças podem alterar a auto estima e o estado emocional do mesmo, se tornando vulnerável as alterações sociais.
Para Ilana Pinsky e Marco Antonio Bessa, esta fase pode ser definida como: adolescência é uma fase demetamorfose. Época de grandes transformações, de descobertas, de rupturas e de aprendizados. É, por isso mesmo, uma fase da vida que envolve riscos, medos, amadurecimento e instabilidades. As mudanças orgânicas e hormonais, típicas dessa faixa etária, podem deixar os jovens agitados, agressivos, cheios de energia e de disposição em um determinado o momento. Mas, no momento seguinte, eles podemacometidos de sonolência, de tédio e de uma profunda insatisfação com seu próprio corpo, com a escola, com a família, com o mundo e com a própria vida.
Hoje em dia podemos perceber com mais freqüência as informações pelos os meios de comunicação, por jornais, por revistas nos tem levado a ter uma base, um entendimento melhor sobre a questão que envolve os jovens no crime, a falta de conhecimento, afalta de um lar, muita vezes, a falta de uma estrutura familiar, a falta de uma boa base, onde possa lhe servir como alicerce, uma família desestruturada, levam os jovens a terem uma vida vulnerável a cometerem crimes, a estarem propícios a serem ate mesmo alvo fácil de marginais que usam crianças e jovens a cometerem crimes em troca de alimentos.
O mundo das drogas vem crescendo cada vez mais...
tracking img