Hst - acidentes de trabalho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1614 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO

SEGURANÇA E HIGIENE DO TRABALHO

MÓDULO IX

SEGURANÇA DO TRABALHO

PRINCIPIOS E DOMINIOS DA SEGURANÇA
CAUSAS E CONSEQUÊNCIAS DOS ACIDENTES DE TRABALHO

[pic]

EDUARDO SOUSA

2002

IDENTIFICAÇÃO DO TRABALHO

O presente trabalho foi elaborado por Eduardo Sidónio Pereira de Sousa, aluno N.º 12 no âmbito do módulo Segurança do Trabalho, sub-módulo Princípiose Domínios da Segurança, Causas e Consequências dos Acidentes de Trabalho, do CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO em SEGURANÇA E HIGIENE DO TRABALHO, matéria Leccionado pelo Professor Eng.º Armindo Pimenta.

INDICE

1 - Análise do Acidente pelo método da árvore de causas 01
2 – Recomendações para evitar este tipo de acidentes 02
3 – Lista de verificação de Segurança 03
4 – Incapacidade dotrabalhador em consequência do acidente 04
4.1 – Indemnização Face à Lei de Bases 04
4.2 – Cálculo do valor da Indemnização 05
5 – Outras situações passíveis de provocar Acidentes de Trabalho 06
6 – Custos Totais dos Acidentes de Trabalho (Método de SIMONDS) 07
7 - Controlo Estatístico da Sinistralidade 10
8 – Programa de diminuição dos acidentes de trabalho 141 - Análise do Acidente pelo método da árvore de causas

1 – Arruamento com declive bastante acentuado
2 – Carregamento bastante pesado
3 – Aumento da velocidade
4 – Travões bastante usados
5 – Insuficiência de capacidade de travagem
6 – Velocidade excessiva
7 – Curva a 90º8 – Caixas empilhadas e mal presas
9 – Queda do carregamento
10 – Maioria das caixas partem-se espalhando as peças
11 – Zé dirige-se para o trabalho de motorizada
12 – Trava energicamente quando vê as peças
13 – Piso molhado
14 – Derrapagem do motociclo e perda de equilíbrio
15 –Queda violenta
16 – Ferimento no pulso direito e no joelho

2 – Recomendações para evitar este tipo de acidentes:

- Mudança do itinerário do conjunto tractor-reboque de forma a evitar o arruamento com declive acentuado.

- Redução da carga a transportar quer em peso quer em altura.

- Arrumação conveniente da carga.

- Amarração da carga de forma adequadaàs características do percurso e da própria carga.

- Verificação diária do estado de conservação e operacionalidade do veículo de transporte.

- Manutenção periódica e eficaz do veículo de transporte.

- Proibição da circulação de veículos motorizados no interior da fábrica, com excepção dos necessários às actividades desenvolvidas.

- Regulamentação e cumprimento doslimites de velocidade no interior das instalações.

- Promover acções de formação específicas para os operadores das máquinas de movimentação interna.

3 – Lista de verificação de Segurança

Sim Não
- O itinerário escolhido é o adequado ?

- A carga é excessiva ?

- O acondicionamento da carga é o correcto ?

- A amarração da carga é segura ?

- O equipamento demovimentação oferece
condições de segurança ?

- As condições climatéricas são favoráveis ?

- O operador possui formação especifica para
operar com o equipamento?

4 – Incapacidade do trabalhador em consequência do acidente
O Sr. Zé, esteve ausente ao serviço durante 14 dias, em consequência dos ferimentos resultantes do acidente de que foi vitima.
O Sr. Zé é operador especializadoe aufere uma retribuição mensal de 873 euros ilíquidos.

4.1 – Indemnização Face à Lei de Bases
Face à Lei de Bases dos Acidentes de Trabalho o trabalhador tem os seguintes direitos:
- De acordo com o DL 143/99 – Cap. I , Artº 10º, a determinação das incapacidades é efectuada segundo a tabela nacional de incapacidades por acidentes de trabalho e doenças profissionais.
- Assim, o...
tracking img