Hedge

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1521 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FAAP – FUNDAÇÃO ARMANDO ALVARES PENTEADO

HEDGE

AGOSTO/2012
FAAP – FUNDAÇÃO ARMANDO ALVARES PENTEADO

HEDGE E ESTUDO DE CASO SOBRE A EMPRESA SADIA.
TRABALHO DA MATÉRIA DE ECONOMIA E MERCADOS.

ALUNOS

ANNA CRISTINA BOTELHO
BRUNA CARDOSO PASSOS DA SILVA
DANILO VAC
MARCOS GABRIEL VALVERDE
THAIS DAFNE ROSA
SUMÁRIO

1.Introdução.......................................................
2. Hedge...............................................................
3. Estudo de Caso Sadia...................................
4. Conclusão....................................................
5. Referências Bibliográficas..........................

1. Introdução

A busca de hedge, ou proteção contra oscilações inesperadas nos preços, é uma prática antiga. Elacomeçou em meados do século XIX no mercado de commodities agrícolas de Chicago. Agricultores e pecuaristas que traziam seus produtos à cidade para vender queriam reduzir o risco de quedas súbitas nas cotações. Se muita gente levasse sua produção ao mercado no mesmo dia, a oferta seria muito superior à demanda e os preços desabariam. Para evitar esse risco, compradores e vendedores passaram a negociaros preços antes da entrega. Essa foi a origem das operações a termo. Posteriormente, essas operações foram aperfeiçoadas e deram origem aos modernos derivativos, hoje comuns no mercado financeiro.

Os derivativos financeiros mais usados são as opções de compra (calls), as opções de venda (puts) e os contratos futuros. A combinação desses instrumentos permite a montagem de diversas operações dehedge.

2. Hedge

A palavra "hedge" pode ser entendida como "proteção". Hedge é uma operação que tem por finalidade proteger o valor de um ativo contra uma possível redução de seu valor numa data futura ou, ainda, assegurar o preço de uma dívida a ser paga no futuro. Esse ativo poderá ser o dólar, uma commodity, um título do governo ou uma ação.

Os mercados futuros e de opçõespossibilitam uma série de operações de hedge. Por exemplo, através de mercado futuro de dólar (negociado na BM&F), uma entidade que possui dívidas em dólar pode reduzir o risco de uma perda provocada por uma elevação da cotação da moeda norte-americana, desde que compre contratos futuros de dólar em valor equivalente à sua dívida.

Proteções semelhantes podem ser feitas para reduzir riscos de outrosmercados, com taxas de juros, bolsas de valores, contratos agrícolas e outros, dependendo das necessidades da instituição que está à procura do hedge.

Os instrumentos mais comuns usados para hedge cambial são:

* Dólar
A forma mais básica e simples de se proteger contra uma alta da moeda é comprar dólares no mercado à vista de moeda. A desvantagem é que é preciso imobilizar uma quantiaigual à que se quer proteger da desvalorização do real.

* Títulos cambiais
Outra forma de hedge é comprar títulos públicos indexados à variação do câmbio. Esses papéis têm vantagens em relação ao dólar, pois pagam juros. No entanto, também é preciso destinar uma quantia praticamente igual à que se quer defender.

* Opções de compra de dólar
Uma opção de compra garante o direito decomprar um ativo a um preço determinado antecipadamente. O portador de uma opção paga uma fração do valor (o prêmio) e pode exercer esse direito até um determinado dia. Se ele não exercer sua opção, perde o valor do prêmio. A vantagem é que o comprador precisa imobilizar muito menos dinheiro para fazer seu hedge.

* Contratos futuros de dólar
São compromissos entre um comprador e um vendedor,normalmente fechados numa transação em bolsa ou intermediada por um banco. Esses contratos acompanham a oscilação do dólar no mercado à vista. Se o dólar subir, o comprador do contrato vai receber do vendedor o equivalente em reais a essa variação, dia a dia. Quando o contrato vencer, a soma das variações deverá compensar a variação do câmbio. Da mesma forma que as opções, os contratos futuros...
tracking img