Havaianas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1971 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
RAZÃO FILOSÓFICA
A razão é a melhor maneira de organizar a realidade para que ela se torne compreensível. A razão ordena o nosso pensamento e deve ordenar nossas ações. Todo ser humano é racional, embora muitas vezes deixe a razão de lado e use as emoções, o que pode ser prejudicial (ex: xingar  alguém alguém num momento de raiva ou até matar).
A razão opõe-se a algumas atitudes mentais:a- conhecimento ilusório: a simples opinião, o senso comum, a achologia, etc.
b- as emoções, sentimentos, paixões: somos seres emocionais e ninguém é desprovido de emoção, mas as emoções podem nos enganar e nos arrastar para outros problemas, como os vícios, a violência, etc.
c- a fé: a fé opera no campo da crença no que não se vê nem se pode provar materialmente. A fé  sem uma base racional pode noslevar a cometer atos insanos como odiar alguém ou até matar só porque não professam nossa fé. Outro exemplo neste sentido é ser enganado por líderes religiosos, deixando de lado a atitude crítica e o questionamento.
d-  o êxtase místico: as visões e aparições, as profecias, os mistérios sobrenaturais, etc.
e- O dogmatismo: dogma é uma afirmação que não se deve questionar, mesmo semcomprovação... É uma tendência a crer que o mundo é do jeito que aprendemos...geralmente é usada na religião. Ex: os dogmas da transubstanciação, imaculada conceição, assunção de Maria, de Cristo na eucaristia católica. 
f – O Anacronismo: consiste em julgar o passado a partir da realidade do nosso presente. Ex: condenar a escravidão ou o machismo grego. Significa também recorrer sempre a uma antiga ideia outecnologia, mesmo existindo recursos mais modernos. Ex: o uso da velha caderneta escolar.

OS QUATRO PRINCÍPIOS DA RAZÃO:
1- Identidade: ex: A é A, jamais pode ser outra coisa. Você é 123.579.000-0 (CPF).
2- Não contradição: é impossível afirmar e negar a mesma coisa ao mesmo tempo. Ex: A é A, não pode ser B...uma árvore não pode ser e não ser árvore...você é Maria, logo, não pode ser LadyGaga. 
3- Terceiro Excluído: não há terceira opção. Ex: ou você é Sócrates ou não é Sócrates...ou faremos a guerra ou faremos a paz...ou digo a verdade ou estou mentindo...ou você está grávida ou não está...ou você está amando ou não está.
4 – Razão suficiente ou Causalidade: tudo o que existe e  acontece origina-se de alguma causa, ou seja, deve existir uma razão para sua explicação.
Muitos modelosde causalidade são utilizados para explicar os fenômenos. Alguns exemplos desses modelos são:
A) Causalidade linear ou simples: Ocorre quando uma causa provoca um efeito proporcional (isto é, linear). Ex: Se uma bola está parada no chão e outra bola se choca com ela, o efeito é proporcional à causa. Se alguém dá um chute numa bola e ela é atirada ao longe, a causa do seu movimento foi a forçamuscular aplicada à bola através do chute. Se uma maçã cai da árvore, a causa de sua queda foi a força de gravidade.
B) Gatilho: ocorre quando uma causa provoca um efeito desproporcional (não-linear). Ex:  um empurrão numa imensa rocha em equilíbrio instável sobre uma montanha destrói uma casa na base da montanha... uma faísca pode provocar um enorme incêndio numa mata ou numa casa. 
C) Efeitodominó, cascata ou em cadeia: ocorre quando uma causa provoca um efeito de proporção diferente (não-linear) em sua proximidade, o qual acarretará outra mudança e assim por diante, em seqüência linear. Ex: a eliminação de um predador da cadeia alimentar poderá provocar a multiplicação de pragas que antes tinham sua população controlada pelo predador.  
AS QUATRO CAUSAS DE ARISTÓTELES: o filósofoacreditava que toda questão "por quê?" pode ser respondida de quatro diferentes maneiras, que são os quatro tipos de causas:
1-Causa material de uma coisa é o material que constitui algum objeto ou ser (por exemplo, a causa material de uma mesa pode ser a madeira);
2-Causa formal de uma coisa é a sua forma, ou seja, um determinado arranjo de sua matéria (ex: a forma de uma árvore);
3-Causa...
tracking img