Gestao

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1682 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Os conceitos de conhecimento, de gestão do conhecimento e da espiral do conhecimento


Introdução

Quanto mais turbulentos os tempos, quanto mais complexos o mundo, mais paradoxos existem.As contradições, as incosistencias, os dilemas e as polaridades afundam nesses dias e nesta época.

As empresas bem-sucedidas não estão apenas enfrentando o paradoxo, mas tirando vantagem entre o bem emal, homem e mulher,vida e morte.Se pudermos esclarer os paradoxos,o mundo parecerá diferente e menos ameaçador .Na realidade,isto é o que as empresas bem-sucedidas estão fazendo.

O sucesso das corporações nunca foi tão frágil.Apenas algumas empresas tem demonstrado capacidade de mudar tão rápido,quanto ao ambiente que as cerca e de lidar com a complexidade envolvidas,paradoxo econhecimento.Como sos seres humanos sofriam com a racionalidade limitada,a organização tinha de lidar com a complexidade do mundo real decompondo a realidade em partes de informação pequenas e simples para que as pessoas as processem.

O processamento eficaz da informação é possivel apenas quando os problemas são simplificados e as estruturas organizacionais são especializadas.
A passagem para a sociedadedo conhecimento elevou o paradoxo de algo a ser eliminado e evitado para ser aceito e cultivado.

Criação do conhecimento

O processo de criação do conhecimento (CC) é necessário para uma empresa, em razão de identificar, transformar e criar ativos tangíveis e intangíveis. As empresas vêm buscando limitações que interferem no processo, e uma dasformas é a localização em clusters industriais (Cls).

O fundamento teórico da criação do conhecimento nas organizações está baseado em três dimensões que são:

A dimensão epistemológica, que trata da ocorrência do conhecimento tácito em explicito em socialização, explicitação, combinação e incorporação. De forma interativa, gerando uma espiral virtuosa do conhecimento.

A dimensãoontológica, que trata da transformação do conhecimento individual em conhecimento organizacional em um processo de cinco fases; compartilhamento de conhecimento tácito, criação de conceitos, justificação de conceitos, construção de um arquétipo e difusão interativa do conhecimento, gerando uma espiral virtuosa do conhecimento.

A Dimensão gnosiológica trata da explicação do conhecimento tácito, o que éconhecimento individual transformando-se em conhecimento organizacional. Isso permite que o conhecimento do pessoal de nível operacional seja compartilhado com o pessoal de nível gerencial, criando o conhecimento conceitual, devidamente justificado, gerando o conhecimento sistêmico na organização, desde que existam as condições capacitadoras para que ocorra a intenção organizacional, autonomia,redundância de informações, variedade de requisitos, flutuação e caos criativo.

Conceituando conhecimento

O conhecimento não pode ser inserido em um computador por uma representação, pois então seria reduzido a uma informação. Então nesse sentido, é um equivoco falar de uma base de conhecimento em um computador, no Maximo podemos ter uma ‘base deinformação’, mas sendo possível processá-la no computador e transformar seu conteúdo, e não apenas a forma, o que nos possuímos é uma tradicional base de dados. Conhecimento é o ato de abstrair idéia de alguma coisa, ele inclui, mas não limita a descrição, hipóteses, conceitos, teorias, princípios e procedimentos que são verdadeiros. É aquilo que se sabe de algo ou alguém (em um conceito menos especifico).O conhecimento pode ser classificado em uma série de designações/categorias:

Conhecimento sensorial: Que se resume no conhecimento comum entre seres humanos e animais, que vem de nossas experiencias ( tato, visão, olfato, audição e paladar ).
Conhecimento intelectual: essa designação é somente ao ser humano; é o raciocinio elaborado que há entre a comunicação entre o corpo e o ambiente...
tracking img