Florence nightingale e sua teoria enfermagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1473 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Florence Nightingale e sua Teoria - Enfermagem

1. Biografia:

Florence Nightingale nasceu na data de 12 de maio de 1820, em Florença, Itália. Era filha de ingleses e dominava com facilidade o inglês, o francês, o alemão, o italiano, além do grego e latim. No âmbito de realizar-se como enfermeira, passou o inverno de 1844 em Roma, estudando as atividades das Irmandades Católicas. Em 1849 fazuma viagem ao Egito e decidiu servir, trabalhando em Kaiserswert na Alemanha, entre as diaconisas.
Ela estando decidida a seguir sua vocação, procurou aprimorar seus conhecimentos através de visitas ao Hospital de Dublin que era dirigido pelas Irmãs de Misericórdia, Ordem Católica de Enfermeiras, fundada 20 anos antes. Logo, conheceu as Irmãs de Caridade de São Vicente de Paulo, na Maison de laProvidence em Paris.
Em 1854, motivada pela Guerra da Criméia, Florence partiu para trabalhar em Hospital Militar, na cidade de Scutari (Turquia), com voluntárias entre religiosas e leigas vindas de outros diferentes hospitais. Nessa época, a mortalidade decresce de 40% para 2% e logo os soldados fizeram dela o seu anjo da guarda e ela será imortalizada como a "Dama da Lâmpada" porque, delanterna na mão, sempre percorreu as enfermarias, atendendo os doentes. Durante a guerra contrai tifo e ao retornar em 1856, leva uma vida de inválida. Dedica-se porém, com ardor, a trabalhos intelectuais e consegue iniciar uma Escola de Enfermagem em 1859.
Florence morre em 13 de agosto de 1910, deixando florescente o ensino de Enfermagem. Assim, a Enfermagem surge não mais como uma atividadeempírica, desvinculada do saber especializado, mas como uma ocupação assalariada que vem atender a necessidade de mão-de-obra nos hospitais, constituindo-se como uma prática social institucionalizada e específica.


2. Teoria de Florence:

Dos estudos de Florence Nightingale, o meio ambiente emerge sendo considerado como sendo todas as condições e influências externas que afetam a vida e odesenvolvimento de um organismo, capazes de prevenir, suprimir ou contribuir para a doença e a morte.
Desse modo, Nightingale tende a dedicar maior ênfase profissional ao ambiente físico do que aos ambientes psicológicos e sociais. Essa tendência é mais facilmente compreendida ao considerar-se o contexto no qual ela deu início à sua atuação como enfermeira, que envolvia o período inicial daindustrialização na Inglaterra e os campos de Guerra da Criméia. Nessa época, reinavam as péssimas condições de saneamento ambiental e também a promiscuidade ao qual se encontravam os pacientes nos hospitais e resultavam em altas taxas de mortalidade, exigindo atenção imediata e constante.
Ainda segundo Florence, o meio ambiente engloba os elementos externos ao paciente que afetam a saúde do mesmo e o processode cura. Dentre estes elementos, destacam-se os que se seguem:
1. Ventilação: Deve haver provisão de ar fresco, sem correntes de ar. Conforme Florence: “...conservar o ar que o paciente respira tão puro quanto o ar exterior, sem deixá-lo sentir frio é o primeiro e último princípio sobre o qual a atenção da enfermeira deve fixar-se, sem o que todo o restante que possa fazer por ele não teránenhum valor...”
2. Iluminação: Todos os doentes requerem, depois do ar puro, a necessidade de iluminação. Segundo Florence, “...e não é apenas a claridade que desejam, mas a luz solar direta...”.
3. Calor: A enfermeira deve observar atentamente o paciente a fim de evitar que ele se resfrie, prevenindo a perda de calor vital, essencial à recuperação.
4. Limpeza: Deve-se referenciar tudo. Noambiente, pois um quarto sujo é fonte de infecções; ao paciente; na enfermeira, que “deve estar sempre limpa” e sobretudo a profissional enfermeira que deve “ter o cuidado de lavar as mãos freqüentemente durante o dia”.
5. Ruídos: É o elemento ambiental para o qual a enfermeira deve estar atenta e qualquer sacrifício, sendo válido para assegurar o silêncio, pois nem um bom arejamento,...
tracking img