Filme guerra e paz

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2527 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Aula na Cinemateca de Curitiba.


Fomos recebidos pelo responsável da cinemateca o qual expôs como se deve preservar e arquivar os acervos, onde há filmes desde 1910, onde 85% dos filmes foram perdidos devido ao má conservação decorrido pelo tempo, onde a maior preocupação da cinemateca é manter o acervo pois existem somente 3 cinematecas no Brasil onde nós paranaenses fomos agraciadosjuntamente com o Rj e SP, o que me deixou entusiasmada foi saber que a cinemateca oferece cursos de formação técnica, capacitando para a elaboração de filmes de curta e longa metragem. Assistimos ao longa metragem “ O preço da Paz”. O filme, produção de Maurício Appel, tem roteiro do experiente Walther Negrão, direção cuidadosa e segura de Paulo Morelli e um grupo de atores afinados - Lima Duarte,Herson Capri, Giulia Gam, José de Abreu, Camila Pitanga e Danton Mello. Ao término conhecemos vários projetores antigos e também o que esta sendo usado atualmente, recebemos uma previa explicação sobre o funcionamento daqueles enormes projetores em seguida fomos convidados a conhecer a sala de projeção, me senti dentro de uma cena de novela em que as crianças assistiam os filmes dentro da sala deprojeção do cinema, conhecemos os vários tipos e tamanhos das películas de p filmes o impressionante nas cenas de projeção é a montagem das cenas que se passaram por várias cidades do Paraná, que somente quem conhece estes lugares sabe identificar, tornando até mesmo cômico, como por exemplo ao subirem a Serra do Mar durante o confronte entre os Pica-paus e os Maragatos o local mostrado foi VilaVelha em Ponta Grossa.





Revolução Federalista – Barão do Serro Azul mantém a paz e a ordem em Curitiba


Postado por Chasque em Cultura Gaúcha,


Revolução Federalista – Barão do Serro Azul mantém a paz e a ordem em Curitiba.


Eis a baixo, parte da história do Brasil que interessa muito, especialmente aos curitibanos e Gaúchos. Sempre pesquiso muito sobre fatos da história doParaná e também do Rio grande do Sul e tudo que esta relacionado ao contexto da palavra “gaúcho” me interessa muito. Grata satisfação reunir estas informações, e inserir neste site para vossa leitura


atenciosamente,


Luiz Cesar


Pesquisas: Luiz Cesar Branco


Fontes: Winkpédia / Filme: O Preço da paz / Museu paranaense


O Senador do estado do Paraná, Osmar dias , em dezembro de2004, apresentou o projeto de lei do Senado nº 354, que propôs a inscrição do nome do barão de Serro Azul no Livro dos Heróis da Pátria. A Lei nº 11.863 de 15 dezembro de 2008, foi sancionada pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva e publicada no Diário Oficial da União em 16 de dezembro de 2008, inscrevendo o nome de Ildefonso Pereira Correia, o Barão de Serro Azul, no Livro dosHeróis da Pátria, depositado no Panteão da Liberdade e da Democracia, em Brasília.


Ildefonso Pereira Correia, barão do Serro Azul nasceu em Paranaguá cidade litorânea do Paraná em 06 de agosto de 1849. Proprietário rural e político brasileiro, foi o maior exportador de erva-mate do Paraná e maior produtor de erva-mate do mundo. Instalou seu primeiro engenho de erva-mate em Antonina e viajou aosEUA para exibir seus produtos na Exposição Americana obtendo grande sucesso. Com a construção da estrada da Graciosa, transferiu suas atividades para Curitiba. Em Curitiba, adquiriu e modernizou o engenho Iguaçu, construiu o Engenho Tibagi, adquiriu serrarias e lançou-se à exportação de madeira. Em 1888, associado com Jesuíno Lopes, assumiu o controle da Impressora Paranaense com o objetivo demelhorar a confecção das embalagens da erva-mate exportada.


Na vida política causou simpatia ao imperador Dom Pedro II quando este visitou Curitiba em 1881. Ao regressar ao Rio de Janeiro, o imperador concedeu-lhe a comenda da Imperial Ordem da Rosa. Nas eleições de 1882, elegeu-se deputado provincial. Desenvolveu suas funções com sucesso enquanto uma crise política empolgava as ruas. Assumiu...
tracking img