Ferramentasda qualidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 36 (8866 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PREFÁCIO

Em 1994 recebi a responsabilidade de desenvolver um sistema de gestão da qualidade em um centro de treinamentos de relações públicas. Na ocasião foi um grande desafio, pois como poderia realizar algo tão grandioso, sem o conhecimento necessário para realizar tal tarefa.

Foi a partir desta ocasião que dei inicio pela busca de conhecimento nas ferramentas de gestão, as quais nospossibilitam a tomar decisões com margem de risco controlada, pois por meio do uso das ferramentas, nos tornamos mais assertivos, evitando perdas e retrabalhos.

Os maiores custos de uma organização estão centralizados principalmente na repetição da execução de algo que já foi feito, e muitas vezes agente se pergunta o porquê isso acontece e não se sabe onde encontrar as respostas.

Existemvárias ferramentas que nos auxiliam a solucionar problemas, tomar decisões com margem de risco calculada, elaborar ou projetar um processo de forma mais eficaz, além de também desenvolver nossa criatividade e estabelecer novas ferramentas customizadas conforme a necessidade em determinada aplicação.

Pude aprender muito com meu mentor Sergio Constantino, que sempre demonstrou o valor e a importânciade aplicar uma abordagem sistêmica nos processo de forma à agregar valor nas atividades empresariais.

As ferramentas de gestão poderão agregar muito valor nas atividades se aplicada adequadamente. Como qualquer dispositivo de precisão ou medição e monitoramento, as ferramentas da qualidade devem ser utilizadas de maneira eficiente, contribuindo para o alcance de metas e objetivos, os quaisdevem ser alinhados com a política da organização, a qual é estabelecida por meio do desdobramento da visão, missão valores e princípios estratégicos da companhia.

O objetivo desta apostila é para contribuir no entendimento de ferramentas básicas para contribuir em sua tomada de decisões nas ações de correção, ações corretivas e ações preventivas, durante as analises criticas por meio de dadosfactíveis detectados nas interações dos processos.

Convido-o a estudar e aplicar as ferramentas aqui abordadas e não crie um paradigma com estas ferramentas, busque adaptá-las no seu dia a dia, seja criativo, amplie sua visão.

O autor1.































1 Marcelo Amancio da Costa é Especialista em Direito Ambiental pela Faculdade de TecnologiaAmbiental do SENAI (SBC), Bacharel em Administração de Empresas pela UniFEI (SP), auditor e instrutor líder nas normas internacionais ISO 9001, ISO 14001, OHSAS 18001. Atualmente realiza auditorias de 3ª parte, faz consultoria para implantação de sistema, e treina novos auditores em nome de organismos multinacionais. É professor na UNISA para cursos.




SUMÁRIO


APRESENTAÇÃO 4
INTRODUÇÃO5
1 SISTEMA DE GESTÃO 7
1.1 QUALIDADE 7
2 PRINCÍPIOS DE GESTÃO 8
2.1 OS OITO PRINCÍPIOS DA QUALIDADE 8
3 BRAINSTORMING 9
4 DIAGRAMA DE CAUSA E EFEITO 10
5 FLUXOGRAMA 13
6 FOLHA DE VERIFICAÇÃO 17
7 HISTOGRAMA 18
8 GRÁFICO DE PARETO 22
9 5 W 1 H 29
10 PDCA 31
11 MULTIPLICADOR 32
11.1 AS OITO CARACTERÍSTICAS DE MULTIPLICADORES DE SUCESSO 32
11.2 O MODELO DE TREINAMENTO 34
11.2.1Diretrizes ao Usar o Modelo de Treinamento 34
12 MATRIZ DE GUT 35
13 O PROGRAMA 8S 36
13.1 HISTÓRICO 36
13.2 OS TRÊS SENSOS ADICIONAIS 37
13.3 O SIGNIFICADO DE CADA “S” 37
13.4 DETERMINAÇÃO E UNIÃO (SHIKARI YARO) 37
13.5 CONSCIENTIZAÇÃO DA ALTA ADMINISTRAÇÃO 38


13.6 REUNIÃO ENTRE DIRIGENTES E GERENTES 38
13.7 ESCOLHA DO COORDENADOR DO PROGRAMA 38
13.8 COMUNICAÇÃO DA EMPRESA A TODOS OSFUNCIONÁRIOS 38
13.9 REUNIÃO ENTRE GERENTES, SUPERVISORES E FUNCIONÁRIOS 39
13.10 DIVULGAÇÃO DO PROGRAMA 39
13.11 PLANO PARA MOTIVAÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS 39
13.12 AUDITORIA OPERACIONAL DOS RECURSOS HUMANOS 39
13.13 PLANO DE AÇÕES IMEDIATAS PARA PROBLEMAS CRÍTICOS 40
13.14 CONTROLE E AVALIAÇÃO 40
13.15 TREINAMENTO (SHIDO) 40
13.15.1 Treinamento do Coordenador 41
13.15.2 Treinamento da...
tracking img