Fast food cachorro quente

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 33 (8194 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FAST-FOOD ESPECIALIZADO EM CACHORROS-QUENTES PERSONALIZADOS
(Maringá – 2007)

APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DOS DADOS COLETADOS Análise de Mercado De acordo com a ordem de realização das tarefas, segundo Dolabela (1999), a primeira tarefa a ser realizada é a análise de mercado. Esta é focada no conhecimento dos clientes, concorrentes, fornecedores e do próprio ambiente no qual a empresa irá operar.Seu objetivo é saber se o negócio é realmente viável. Nesta etapa, o empreendedor que pretende lançar seu produto ou serviço no mercado deve fazer um estudo aprofundado sobre o mercado consumidor verificando as tendências do setor, as exigências dos consumidores, a concorrência e os fornecedores. Análise do setor Voltada a fatores externos ao empreendimento, esta análise é realizada sob osaspectos demográficos, econômicos, legais e políticos, tecnológicos e culturais, para diante deles descrever as ameaças e as oportunidades que o ambiente apresenta ao mercado em que se pretende iniciar o empreendimento. As oportunidades são afetadas por fatores que podem torná-las mais ou menos interessantes aos olhos do empreendedor. Dolabela (1999) identifica esses fatores como: sazonalidade, efeitosda situação econômica, controle governamental, grau de disponibilidade de insumos, ciclo de vida do setor, lucratividade, mudanças que estão ocorrendo no setor, efeitos da evolução tecnológica, grau de imunidade à

concorrência, adequação às características individuais e por fim, potencial de lucro e crescimento. O autor também salienta que todas as análises relativas a esses fatores devemconsiderar parâmetros internacionais, uma vez que a concorrência tornou-se mundial. A seguir tem-se uma listagem das oportunidades e as ameaças do setor de alimentação, segmento de fast food, em um contexto global, nacional e local. Oportunidades do setor no contexto nacional. • Um quarto das refeições dos brasileiros é feito fora de casa e essa tendência cresce a uma taxa de 1,5% ao ano. Gastomédio de R$ 8,93 a cada visita de um brasileiro em um fast food de sanduíches.



Oportunidades do setor no contexto local. • Tradição maringaense do consumo de cachorros quentes, especialmente por parte dos estudantes. Alta concentração de estudantes nas proximidades da UEM e do Colégio Nobel em Maringá. Estudantes de outras cidades gastam em média R$1 mil por mês em Maringá. Gastos comrefeições fora de casa em Maringá correspondem à 0,247% do Índice de Potencial de Consumo brasileiro nesse quesito. Maringaenses gastam 4,856% de sua renda com refeições fora de casa. Possibilidade de criação de um núcleo setorial de lanchonetes fast food em parceria com o Sebrae e com a Acim. Grande parte da concorrência não dispõe de um ambiente adequado para atender os clientes. Concorrentes nãopossuem equipamentos de alta tecnologia.



• •

• •





Ameaças do setor no contexto global. • Valorização e difusão mundial do estilo de vida saudável que condena fast foods.

2



Grandes redes de fast food dispõem de alta tecnologia para agilizar e padronizar o processo produtivo e o atendimento.

Ameaças do setor no contexto local. • Público-alvo se dispersa durante asférias escolares e também no caso de greve na UEM. Ambiente muito competitivo nas proximidades da UEM. Pouca oferta de pontos comerciais adequados na região pretendida. Segundo pesquisa realizada pela ECD Consultoria Especializada em Food Service, publicada pela ABF - Associação Brasileira de Franchising (2007), o brasileiro faz atualmente 25% de suas refeições fora do lar e essa tendência cresce auma taxa de 1,5% ao ano. A mesma pesquisa também traz outro importante dado no que se refere ao gasto médio dos brasileiros em estabelecimentos do tipo fast food. No caso do setor de sanduíches, esse gasto é de R$ 8,93 a cada visita ao restaurante. O cachorro-quente é considerado o fast-food preferido dos maringaenses segundo reportagem da Folha de Londrina, por Herika Fondazzi (2007). São...
tracking img