Embriologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3462 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Embriologia

 

Embriologia é a ciência biológica que estuda, nos vegetais e animais, o desenvolvimento da semente ou do ovo até constituir um espécime completo. Para alguns, seu campo de aplicação se estende aos processos de formação dos gametas e à fecundação. A teoria da epigênese, formulada em 1651 pelo médico e anatomista inglês William Harvey, afirmava que as estruturasespecializadas do indivíduo se desenvolviam passo a passo, a partir de formas prévias indiferenciadas no ovo. No entanto, a prova desta teoria não aconteceu até 1759, quando o anatomista alemão Kaspar Friedrich Wolff divulgou seu estudo sobre o desenvolvimento do pinto no ovo e demonstrou que os órgãos derivam de um material indiferenciado.

A maioria das espécies animais e vegetais apresenta mecanismosde reprodução sexual que consistem basicamente na formação dos gametas masculinos e femininos, células especiais que possuem a metade dos cromossomos (onde está contida a informação genética) que o adulto requer e que, mediante sua união, formam o ovo ou zigoto, a partir do qual se origina um novo indivíduo.

É portanto o ramo da biologia que estuda o desenvolvimento de um embrião animal (parainformações sobre embriologia em plantas, Fecundação; Planta; Semente). A embriologia inclui o desenvolvimento do ovo fecundado e do embrião, e o crescimento do feto.


O desenvolvimento consiste de uma série de acontecimentos que se iniciam com a fecundação do ovo. A partir daí, este sofre divisão celular, partindo-se em dois. As células-filhas, chamadas de blastômeros, dividem-se em quatro,estas em oito, e assim sucessivamente. Quando o embrião está formado por uma centena ou mais de células, constitui uma massa sólida chamada de mórula, parecida com uma amora. Na maioria das espécies, esta massa se organiza numa camada única de células, que se organizam em torno de uma esfera oca, a blástula. O passo seguinte é a formação de um saco de parede dupla, a gástrula. A parede externa échamada de ectoderme ou ectoderma e a interna de endoderme ou endoderma , que rodeia a cavidade do intestino primitivo. Em todos os animais, com exceção dos mais simples, desenvolve-se uma terceira camada entre as duas anteriores, a mesoderme ou mesoderma.





Estas três camadas, conhecidas como germinais primárias, diferenciam-se em órgãos semelhantes em todas as espécies de animais. Aendoderma origina células que se especializam nas glândulas digestivas mais importantes e são responsáveis pelo revestimento dos dutos aéreos e da maior parte do tubo digestivo. A mesoderma se diferencia dando origem ao sangue e aos vasos sangüíneos, aos tecidos conjuntivos, aos músculos, ao aparelho reprodutor e aos rins. A ectoderma dá lugar à epiderme e às estruturas derivadas, como o cabelo e asunhas, às mucosas de revestimento da boca e do ânus, ao esmalte dentário e ao sistema nervoso central.





Embriologia vegetal


As plantas superiores, que produzem sementes, formam células geradoras de gametas. São os gametófitos masculinos (microgametófitos) e femininos (macrogametófitos), que têm origem em órgãos especializados denominados esporângios (microesporângios e macroesporângios,respectivamente). Nas gimnospermas (plantas que não florescem nem frutificam), os microesporângios acham-se em estruturas cônicas chamadas estróbilos e os macroesporângios em outras, também cônicas e de maior tamanho, chamadas macrostóbilos - que correspondem, por exemplo, às pinhas do pinheiro. Por sua vez, nas angiospermas (vegetais que dão flor e fruto), os microesporângios correspondem aórgãos homólogos, as anteras, e os macroesporângios, aos pistilos.

Nas gimnospermas, o microgametófito é constituído de uma célula vegetativa e outra generativa, ambas haplóides (com um só jogo cromossômico, conseqüência do processo de divisão celular conhecido como meiose). A partir da célula generativa, durante o processo de fecundação, formam-se duas células, a pedicular e a espermatógena. O...
tracking img