Etica profissional

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 36 (8927 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A ÉTICA E A EMPRESA

SUMÁRlO: 8.1 A empresa corno organização -8.2 A empresa, instituição vence¬dora - 8.3 Obstáculos enfrentados pela empresa- 8.4 A sofisticação do consumo e o lugar da ética - 8.5 O papel das ONGs e dos staneholders - 8.6 Um Código de Ética para as empresas? - 8.7 Ética dá lucro? - 8.8 A matriz da virtude - 8.9 A dupla moral brasileira - 8.10 A moral empresarial daparcialidade - 8.11 O futuro da empresa.

8.1 A empresa como Organização:
Para Max Weber, a organização é um círculo de pessoas que, estando interessadas na defesa de uma situação de domínio, em virtude de participarem nos benefícios dela resultantes, repartem entre si o exercício dos poderes de mando e de coerção que possibilitam a manutenção daquele domínio. Esse sistema de relações de cooperação secoordena para atingir suas finalidades. As organizações que visam o lucro são as empresas. As que não visam podem ser chamadas gene¬ricamente de associações.
Para que esse grupo humano se constitua em uma empresa é necessária uma especial estrutura. "A estrutura é o elemento do conceito de organização que confere a esta um propósito racional. A estrutura consiste no modo como se relacionam entre sie com o meio social os vários elementos que integram a organização. Este relacionamento implica uma divisão de tarefas entre os diversos membros da organização".' A estrutura é um elemento de tamanha importância que sobre ele Max Weber fez repousar a sua concepção de organização burocrática. As caracte¬rísticas básicas da organização denominada burocrática são cinco: a) a divisão do trabalhoentre os elementos da organização segundo o princípio da especialização, por via da atribuição de competências diferenciadas; b) a hierarquia, representada graficamente por uma pirâmide; c) a regulamentação abstrata e formal das opera¬ções; d) a impessoalidade do relacionamento interorgânico; e e) a seleção do pes¬soal de acordo com critérios de capacidade técnica e a sua progressão profissionalsegundo o mérito e a antiguidade.
Esse modelo ainda persiste como padrão na Administração Pública. Em relação à esfera privada, constata-se uma multiplicidade de estruturas organizativas. É que a segmentação decorre da especialização. Cada ramo de negócios pode assumir formas de organização diversas. O convívio entre as empresas e. o Estado força um rearranjo de estruturas. A cada vez que um problemanovo aparece - e eles são frequentes no intervencionismo - surge um sistema especial de organização empresarial.
Outra característica da sociedade contemporânea que força a proliferação de exteriorizações da iniciativa privada é o fracionamento da população em inúmeros grupos de interesses diversificados e preocupações desencontradas, Os cidadãos do século XIX, formalmente livres e iguais, deramlugar, no século XX, a uma variedade de espécies substancialmente desiguais: os trabalhadores subordina¬dos, os consumidores, os moradores, os pequenos empresários, os trabalhadores independentes, os reformados, os deficientes, os imigrantes, as minorias étnicas e religiosas, os habitantes das zonas mais desfavorecidas, os contribuintes, os es¬tudantes, os pais dos estudantes, até mesmo osespectadores de televisão! Todos com as suas associações de interesses, os seus grupos de pressão.
O século XXI não segue tendência diversa, mas intensifica a disparidade. Surgem as "tribos" da juventude, os nichos de riqueza, os vegetarianos, os adeptos da cultura zen, os desempregados e - maior do que todas as legiões - o lumpesinato errante e encontradiço em todas as periferias. Já não se pode falarem coesão do corpo social para uma clientela tão disforme. As organizações empresariais, prisioneiras das suas clientelas, não podem ignorar o quadro heterogêneo de seus consumi¬dores. A inviabilidade de se atender a contento a todo o universo de destinatários não fez desaparecer - ao contrário, fortaleceu - a instituição denominada empresa.
8.2 A empresa, instituição vencedora
Por haver...
tracking img