Estudo de Caso Psicoterapia Cognitivo-Comportamental

Páginas: 9 (2041 palavras) Publicado: 10 de setembro de 2013
DESCRIÇÃO DO CASO

Joaozinho (nome fictício), paciente de 11 anos, irá completar 12 no próximo mês,em abril, classe média alta, iniciou a terapia cognitivo comportamental em outubro / 2007.

Seus pais vieram na primeira consulta para conversar sobre o filho. Relataram que Joaozinho é uma criança dócil, responsável,educada e carinhosa.

Joãozinho tem um bom desempenho escolar, é jogador defutebol do Flamengo (fictício) (federado), tem muitos amigos, apresenta uma boa relação com sua família, amigos e professores. Nos momentos vagos, Joaozinho procura sempre ir a praia com seus pais, jogar videogame e futebol com os amigos. Não apresenta traços de agressividade. Joaozinho completou todas as suas etapas de desenvolvimento dentro dos limites normais de idade. Os pais também relataramque Joaozinho parece ter mais intimidade e liberdade com sua mãe do que com o pai, se sentindo mais à vontade para falar sobre suas notas escolares, o desempenho no futebol e até mesmo para pedir para comprar alguma coisa, coisa que com o pai, Joaozinho não faz. Sempre foi muito comparado com a figura do seu pai pelas pessoas, inclusive pelo próprio pai, que relata o tempo todo que o filho separece muito com ele em todos os aspectos.

O pai também trabalha no Flamengo e é muito bem sucedido profissionalmente. A mãe disse que há algum tempo vem observando que Joaozinho tem demonstrado uma certa ansiedade quando seu pai assiste seus treinos no futebol, com receio de não ter um bom desempenho e decepcionar o pai. Além disso, quando Joaozinho tira uma nota 6.0, por exemplo, chora,dizendo que deveria ter tirado uma nota mais alta e fica com medo de contar para o pai, mesmo sabendo que seu pai vai apóia -lo e ficar satisfeito com a nota 6,0. O pai nunca exerceu nenhum tipo de cobrança ou exigência em relação ao filho.

Os pais queixaram-se que Joaozinho apresenta ansiedade em determinadas situações, como evitar comprar um remédio na farmácia, entrar numa loja para comprarroupa, pedir de volta dinheiro que emprestou aos colegas da escola, dentre outras situações parecidas. O pai vem tentando modificar o comportamento de Joaozinho nessas situações e comentou sobre o fato do filho falar muito "baixinho" com as pessoas e olhando sempre para baixo.

Os pais decidiram procurar o tratamento com o objetivo de melhorar a ansiedade social e promover uma relação mais intimae aberta com o pai.

A relação familiar permite o acesso a informações bastante significativas possibilitando o terapeuta ter mais informações sobre a criança, colocando o seu comportamento dentro de um contexto. A conceituação do caso permite que o terapeuta possa observar os pensamentos automáticos, pressupostos subjacentes, esquemas e distorções cognitivas.

CONCEITUAÇÃO COGNITIVAVARIÁVEIS COGNITIVAS

Os pensamentos automáticos de Joaozinho incluem crenças como: "Eu preciso da aprovação do meu pai","tenho sempre que tirar notas muito altas nas provas","Não posso ter um mal desempenho no jogo de futebol", "as pessoas estão sempre reparando no tom da minha voz e me avaliando negativamente", "se eu entrar numa loja pra comprar uma roupa, o vendedor vai achar que falo muitobaixo", "preciso sempre fazer tudo perfeito", "não posso falhar nunca", "tenho sempre que agradar meus amigos".

ANTECEDENTES COMPORTAMENTAIS E SUAS CONSEQUENCIAS

Desde pequeno, a família de Joaozinho sempre o comparou muito com o seu pai, tanto nos aspectos relativos a personalidade, quanto na aparência física. Inclusive o pai freqüentemente fala que seu filho é ele em "miniatura".O pai, desdecriança sempre foi muito bom em matemática, alem de ser craque em futebol e de alguma forma, Joaozinho se sentiu pressionado a ter um desempenho tão bom quanto o de seu pai, tornando-se uma criança extremamente perfeccionista e exigente consigo mesmo. Suas distorções cognitivas características incluem pensamentos de tudo ou nada, ou seja, dicotômico que podeser observado quando Joaozinho fica...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Psicoterapia cognitivo comportamental
  • ESTUDO DE CASO G.A ABORDAGEM COGNITIVO-COMPORTAMENTAL
  • Psicoterapia no Modelo Cognitivo Comportamental na Adolescência
  • Terapia cognitivo comportamental infantil em situacao de separacao conjugal estudo de caso
  • A aliança entre psicoterapia e psicofarmacoterapia sob a ótica da psicoterapia cognitivo-comportamental
  • Estudos de caso em psicologia clínica comportamental
  • Cognitivo Comportamental
  • COGNITIVO-COMPORTAMENTAL

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!