Estilistica juridica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1240 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE DE DIREITO DE CARANGOLA

INTRODUÇÃO
Escrever bem é uma arte? Sim, é considerada uma arte, mas é também técnica, uma habilidade que pode, e, deve-se desenvolver-se através do exercício, da prática da redação e do estudo da gramática e estilística (além de muita leitura). É de extrema importância, significa comunicação, sucesso profissional, pessoal e cidadania.
Na Advocacia, ouso da escrita está presente na maior parte dos momentos, já que o princípio da oralidade, característica, por exemplo, do sistema Judiciário Estadunidense, não predonima na Justiça Brasileira, ainda que possamos perceber que se tenta caminhar nesse sentido, haja vista os juizados especiais que adotaram claramente o caminho da oralidade. Mas este é outro assunto.
ESCREVER BEM, CLAREANDO SUASIDÉIAS, ENTENDENDO ESTILÍSTICA

Para que escrever bem? No caso da advocacia, principalmente para fazer-se entender, para ser compreendido. Especificamente no caso do defensor, podemos nos arriscar a dizer que a importância de uma escrita correta é tão grande a ponto de significar o sucesso ou não da defesa de seu cliente.
Fazer-se entender, de maneira simples e correta pelo Juízo é, em últimainstância, realizar uma boa defesa. O profissional conhece a matéria e sabe o procedimento a ser adotado, finaliza seu trabalho expondo através da escrita clara, objetiva e correta de seus argumentos em favor do seu cliente perante a Justiça. Estando diante de um bom trabalho realizado, poderá, então, fazer a sua parte, e esperamos, com termos também claros e corretos.
Devemos destacar também ovocabulário característico da área Jurídica, além das citações em latim, apreciadas e utilizadas. A boa e correta escrita não serve, porém, somente à estética, mas à clareza e objetividade, à correta grafia das palavras, à lógica expressão das idéias. E você poderá perguntar, por que eu sofro desse mal, dessa defasagem, dessa dificuldade em escrever bem? Ora, saiba que isso é um problema de outrosistema - o educacional – historicamente comprometido, e que você não está sozinho. A culpa não é sua.
Convido você, então, a vir estudar para que possa exercitar ou desenvolver sua habilidade de escrita. Uma necessidade que espero torne-se prazerosa, lembrando que prazer aqui não está desligado do sacrifício, do sofrimento, da necessidade de esforço, realizados com desejo de superação eaprendizado.
O prazer vem depois, quando você perceber que consegue ser melhor entendido, ser um profissional mais capacitado, que realiza com mais propriedade sua função de comunicar correta, clara e objetivamente suas idéias.
- Suas idéias. Quais são elas?

Aprenda a dizer eu penso, no lugar de eu acho. Assim deve ser. Ao transmitir uma idéia, um pensamento, uma opinião – ainda que oralmente –precisamos ter fundamentos para apoiá-los.

E onde buscar esses fundamentos?

Hoje em dia, temos uma facilidade muito grande para encontrarmos ou obtermos informações. Abundam bancas de jornais e revistas, livrarias, instituições, ONGs, que disponibilizam a todos a oportunidade de saber sobre os assuntos mais variados quantos aqueles que lêem sobre eles.
O advento da internet, então,pode fazer com que nos percamos no emaranhado de informações que coloca a nosso alcance. Livros, artigos, opiniões, resenhas, palpites, previsões do futuro e toda sorte de textos estão aí para nos (dês)orientar. Todo cuidado é pouco. Ter idéias e opiniões, ao sujeito responsável, implica pensar, refletir e fundamentar seu pensamento, expondo-o de maneira ética e mais verdadeira possível.
Ooperador do direito, em particular o defensor – objeto primeiro de trabalho – não pode se privar da reflexão, do embasamento jurídico nas suas manifestações na Justiça e de colocar-se do lado de fora das situações, fazendo uso de seu olhar clínico de defensor, especialmente, diante das manifestações da mídia televisiva.
Entendo que a postura crítica é uma característica do defensor e a capacidade...
tracking img