Escola de sistemas e escola de administração por objetos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4181 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Escola de Sistemas e Escola de Administração por Objetos


















Brasília – DF, abril de 2010








Escola de Sistemas e Escola de Administração por Objetos




Faculdade: União Educacional de Brasília - UNEB
Disciplina: Teoria Geral da Administração
Professor: Walter Justus
Turno: Matutino Turma: G-04
Alunos (as).: Alisson RibeiroBrasília – DF, abril 2010

ÍNDICE

INTRODUÇÃO............................................................................................................4
A TEORIA GARAL DOS SISTEMAS..........................................................................5
PRINCIPAIS CONCEITOS DA TEORIA DE SISTEMAS...........................................7
A CONCEPÇÃO DA NATUREZAHUMANA............................................................16
ESCOLA DE ADMINISTRAÇÃO POR OBJETIVOS................................................18
CONCLUSÃO..........................................................................................................22
BIBLIOGRAFIA........................................................................................................23Introdução




A Teoria dos Sistemas é uma decorrência da Teoria geral de Sistemas desenvolvida por Von Bertalanffy e que se espalhou por todas as ciências, influenciando notavelmente a administração, a abordagem sistêmica contrapõe-se a abordagem do sistema fechado.

O conceito de sistemas e complexo: para sua compreensão torna-se necessário oconhecimento de algumas características dos sistemas – propósito, globalismo, entropia e homeostasia – bem como dos tipos possíveis e dos parâmetros do sistemas: entrada, saída, retroação e ambiente. O Sistema Aberto é o que melhor permite uma analise ao mesmo tempo profunda e ampla das organizações.

A administração por objetivos surgiu a partir da década de 50 em função de exigências ambientaise internas que as organizações passaram a sofrer.

O planejamento estratégico e o planejamento global e a longo do prazo que orienta todo o sistema. Por tanto, deve ser desdobrado e detalhado em planos táticos, os quais são detalhados ainda em planos operacionais.


















A teoria Geral dos Sistemas

O aparecimento da Teoria geral dos sistemasforneceu uma base para a unificação dos conhecimentos científicos nas últimas décadas. Ludwig von Bertalanffy (1901-1972) concebeu esse nome no início da década de 1920, criando em 1954 a Societyfor General Systems Research. Bertalanffy introduziu esse nome para descrever as características principais das organizações como sistemas, pouco antes da Segunda Guerra Mundial.
A Teoria Geraldos Sistemas, segundo o próprio Bertalanffy, tem por finalidade identificar as propriedades, princípios e leis característicos dos sistemas em geral, independentemente do tipo de cada um, da natureza de seus elementos componentes e das relações entre eles. De acordo com o autor, existem certos modelos ou sistemas que, independentemente de sua especificidade, são aplicáveis a qualquer área deconhecimento. Tais modelos impulsionariam uma tendência em direção a teorias generalizadas. Assim, como princípios gerais que na verdade, são idéias vinculadas ao desenvolvimento e ao surgimento da automação e da cibernética, Bertalanffy propõe uma nova teoria cientifica, a Teoria Geral de Sistemas, que tem leis semelhantes às que governam sistemas biológicos. Nessa formulação teórica, o autor incorporaos conceitos fundamentais dos postulados anteriores do sistema biológico e das matemáticas correlatas.
Um sistema se define como um complexo de elementos em interação de natureza ordenada e não fortuita. A Teoria Geral dos Sistema é interdisciplinar, isto é, pode ser utilizada para fenômenos investigados nos diversos ramos tradicionais da pesquisa cientifica. Ela não se limita aos...
tracking img