Escadas, rampas e passarelas

NR-18
Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção

Escadas, rampas e passarelas
1 –As escadas,rampas ou passarelas é obrigatória em todo local da obra: a) onde houver necessidade de transposição de pisos com altura superior a 0,40m; b) para transposição de níveis como meio de circulação de trabalhadores. 2 - As escadas, rampas e passarelas podem ser de madeira ou metal,devendo ter ângulos de inclinação adequados para segurança e conforto dos usuários.

Escadas, rampas e passarelas
3 – As escadas provisórias de uso coletivo
devem ser dimensionadas em função do fluxo de trabalhadores: 4 – A altura livre ou espaço livre vertical, para a passagem das pessoas, não deve ser menor que 2,25m; 5 – A distância entre patamares intermediários não deve exceder a 16degraus (e= 0,18m) ou 19 degraus (e= 0,15m).

Escadas, rampas e passarelas
6 – Devem ter a cada 2,90 m de altura um patamar intermediário. 7 – Devem ser dotadas de guarda-corpo de 1,20 m de altura, com travessão intermediário de 0,70 m e rodapé com altura de 0,20m. quando não houver paredes ou muretas laterais.

Escada coletiva com patamar intermediário

Escadas, rampas e passarelas

Escadacoletiva com patamar e corrimão

Escada coletiva

Escadas, rampas e passarelas
8- As escadas provisórias de uso coletivo devem ter: a) largura mínima - 0,80m; b) profundidade do degrau – entre 0,25m e 0,30m; c) altura do espelho (e) – entre 0,15m e 0,18m; d) ângulo de inclinação – entre 27o e 35o; e) patamar intermediário deve ter largura e comprimento no mínimo igual a largura da escada. Escadas de mão
1- As escadas de mão devem ter seu uso restrito para acessos provisórios e serviços de pequeno porte. 2 - As escadas de mão poderão ter: a) até 7,00m de extensão; b) espaçamento entre os degraus - uniforme, entre 0,25m a 0,30m. 3 – As escadas escada de mão devem possuir 2 montantes laterais e travessas fixas e rígidas.

Escadas de mão
4 – É proibido o uso das escadas de mão:a) nas proximidades de portas ou áreas de circulação de pessoas ou máquinas; b) onde houver risco de queda de objetos ou materiais; c) nas proximidades de aberturas e vãos; d) junto à rede e equipamentos elétricos desprotegidos. 5 - A escada de mão deve: a) ultrapassar em 1,00m (um metro) o piso superior; b) ser fixada nos pisos inferior e superior ou ser dotada de dispositivo que impeça o seudeslocamento; c) ser dotada de degraus antiderrapantes; d) ser apoiada em piso resistente, para evitar.recalque ou afundamento.

Escadas de mão

6 – Se a escada conduz a uma abertura de laje e piso, esta deve ter guarda-corpo e rodapé, para proteção. A parte superior da escada deve ultrapassar em 1,00m do ponto de apoio e inclinação entre 65o a 80o.

Escadas de mão
7 – Não se deve utilizarescadas de metal em serviços de energia elétrica. 8 – Os degraus da escada devem permanecer limpos, livres de óleos e graxas. 9 – A escada nunca deve ser utilizada simultaneamente por duas pessoas. 10 – A escada deve ser presa à parede, na horizontal, par que não se deforme. Quando armazenada na vertical, devem ser colocados calços para impedir sua queda. 11 – Nunca se deve utilizar escadas de mãona horizontal, como apoio de plataforma de trabalho. 12 – As escadas de mão devem ser usadas apenas para transpor níveis, nunca como suporte para a realização de serviços, pois o trabalho nessas condições acarreta alto risco de desequilibro.

Escadas de mão

13 – Os operários não devem: a) levar objetos nas mãos ao subir ou descer escadas; b) subir ou descer dando as costas para os degraus. Escada extensível

1 – Seu uso mais apropriado é na instalação de cabos aéreo ou manutenção de postes de iluminação. 2 - A escada extensível deve: a) ser dotada de dispositivo limitador de curso, colocado no quarto vão a contar da catraca. Caso não haja o limitador de curso, quando estendida, deve permitir uma sobreposição de no mínimo 1,00m. b) possuir roldanas, guias e ancoragens...
tracking img