Epistemologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2165 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
0. INTRODUÇÃO
No âmbito do VII Curso de Pós-Licenciatura de Especialização em Enfermagem de Reabilitação, a decorrer na Escola Superior de Enfermagem São Francisco das Misericórdias, na unidade curricular de Epistemologia da Enfermagem de Reabilitação, foi-nos proposto um trabalho que reflectisse a problemática da Pessoa com deficiência.
De acordo com Mineire citado por Hesbeen (2003:26), “Adeficiência não existe em termos absolutos: está associada a situações concretas do quotidiano (…a deficiência nem sempre é aquilo que é visível e os deficientes nem sempre são aqueles que pensamos.) ”.
Devidas as nossas vivências, experienciadas no dia-a-dia com pessoas às quais lhe foram diagnosticado um Acidente Vascular Cerebral, como enfermeiros e estudantes deste curso, estamos mais atentospara a relação doente/família sendo crucial para o desenho do plano de reabilitação.
Segundo Hesbeen (2003, p. XI), “a reabilitação, mais do que uma disciplina, é o testemunho de espírito particular; o do interesse sentido pelo futuro da pessoa, mesmo quando a sua cura ou a reparação do seu corpo – regresso do mesmo à normalidade – deixa de ser possíveis.”. Então o desempenho do enfermeiro dereabilitação deve centralizar-se na relação interpessoal com a pessoa/família, onde este se diferencia pela sua formação e experiência que lhe permite compreender e respeitar os outros, abstendo-se de juízos de valores relativamente à pessoa que beneficia dos cuidados.
Para atingirmos o objectivo geral deste trabalho, analisar a problemática de uma pessoa com deficiência, foram delineados osseguintes objectivos específicos:
* Descrever Acidente Vascular Cerebral e Pessoa com deficiência;
* Estratégias de adaptação à deficiência/incapacidade;
* Reflectir sobre o papel do enfermeiro de reabilitação.

1. ENQUADRAMENTO TEÓRICO

Ao escolhermos esta área temática, sentimos necessidade de relembrar conceitos e aprofundar conhecimentos sobre o Acidente Vascular Cerebral, a Pessoa comdeficiência/ incapacidade e reflectir sobre o seu impacto na Pessoa, família e sociedade.

1. 1 ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL

O Acidente Vascular Cerebral consiste num défice neurológico que pode ocorrer devido a uma isquémia ou hemorragia cerebral.
Os Acidentes Vasculares Cerebrais “são uma causa comum de morbilidade e mortalidade na Europa, sendo a primeira causa de morte em Portugal e aprincipal causa de incapacidade nas pessoas idosas” (PORTUGAL, Direcção Geral da Saúde, 2001, p.5) “as sequelas são frequentes e o seu impacto familiar, social e económico é muito grande” (PORTUGAL, Direcção Geral da Saúde, 2001, p.7).
Também segundo a DIRECÇÃO-GERAL SAÚDE (2001), são consideradas causas evitáveis de Acidente Vascular Cerebral, a tensão arterial elevada, arritmias, colesterolelevado, tabagismo, alimentação desadequada (com excesso de consumo de sal e de álcool), excesso de peso e obesidade, sedentarismo e stress excessivo.
Os sinais e sintomas diferem de acordo com o território cerebral envolvido, assim, os mais frequentemente encontrados são: falta de força e/ou sensibilidade contralateral; afasia, disartria; hemianópsia, alteração da consciência e confusão; diplopia,vertigem, nistagmo.
“a reabilitação deve iniciar-se o mais cedo possível, uma vez que pode reduzir o número de doentes que ficam dependentes após o AVC. A intensidade do programa de reabilitação depende do estado do doente e do grau de incapacidade”. (EUROPEAN STROKE IINITIATIVE, 2003, p.9)

1.2 - A PESSOA COM DEFICIÊNCIA

De acordo com o Decreto-lei nº 38/2004, 2º artigo “considera-se pessoacom deficiência aquela que por motivo de perda ou anomalia, congénita ou adquirida, de funções ou de estruturas do corpo, incluindo as funções psicológicas, apresente dificuldades específicas susceptíveis de, em conjugação com os factores do meio, lhe limitar ou dificultar a actividade e a participação em condições de igualdade com as demais pessoas”.

Da deficiência nasce a incapacidade que é...
tracking img