Envie presentes para estes membros

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 23 (5701 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
TENDÊNCIAS FUTURAS DA BIOTECNOLOGIA: PERSPECTIVAS PARA O SETOR INDUSTRIAL
Joaquim A. Machado

MIND WINGS
Campinas, SP

“...the biotechnology industry is becoming an information science, spurred on by the vast amount of data generated by genome projects.”
(Convergence: Ernst & Young’s Biotechnology Industry Report, Millenium Edition)

São Paulo, setembro de 2001

1

1. INTRODUÇÃOSucesso da década de 80, o livro de Marshall Berman, Tudo que é sólido desmancha no ar (a aventura da modernidade), mostra-se mais e mais aplicável como norteador das mudanças disruptivas na biotecnologia, em anos recentes. Transcrito nesse livro, o texto de Karl Marx, datado de 1856, é paradigmático: “De um lado, tiveram acesso à vida forças industriais e científicas de que nenhuma época anterior,na história da humanidade, chegara a suspeitar. De outro lado, estamos diante de sintomas de decadência que ultrapassam em muito os horrores dos últimos tempos do Império Romano. Em nossos dias, tudo parece estar impregnado do seu contrário”. As recentíssimas tecnologias aplicáveis à Biologia: + pela sua capacidade de análise fina e de modificação de fenômenos biológicos + pelo seu potencial evelocidade de transformação da ciência básica em produtos e processos comercializáveis (“biology goes to business”) parecem de fato indicar que “tudo está impregnado de seu contrário”, dadas as perplexidades sócio-econômicas delas decorrentes, principalmente no que tange ao planejamento estratégico do investimento em Ciência e Tecnologia, em países em desenvolvimento. A distribuição criteriosa derecursos, ou mesmo o “desequilíbrio planejado”, no investimento em ciência básica, bem como nas aplicações de potencial mercadológico, deve ser o princípio norteador em Biotecnologia. Se é verdade que “biology goes to business”, então o acompanhamento especialista da bolsa de operações em tecnologias e mercados, deve ser o referencial maior desse desequilíbrio planejado.

2. TECNOLOGIAS DISRUPTIVAS,DEMANDAS DE MERCADO PARA C & T, E ESTRATÉGIA CORPORATIVA. Bower e Christensen, da Harvard Business School, afirmam que um dos padrões mais consistentes em negócios, é o fracasso de companhias líderes em permanecerem no topo de suas atividades, quando tecnologias e mercados evoluem de maneira razoavelmente abrupta. Por que é que companhias bem estabelecidas investem agressivamente e com sucesso emtecnologias necessárias para manter seus clientes, e então falham ao não realizar investimentos em tecnologia que os clientes do futuro irão exigir? A razão fundamental é que essas companhias sucumbem a um dos mais populares e valiosos dogmas da administração: elas permanecem fiéis aos seus clientes atuais.

2

Clientes exercem um extraordinário poder em direcionar os investimentos de umaempresa. Mas, o que acontece, perguntam os autores, quando uma nova tecnologia emergente é rejeitada, porque não atende às suas necessidades, tão efetivamente quanto aquela produzida pela abordagem praticada atualmente pela companhia? O fato é que a maioria das empresas que contam, está consistentemente à frente de suas linhas de produção atuais, no que tange em desenvolver novas tecnologias, namedida em que essas tecnologias atendam as necessidades de performance exigidas pela próxima geração de consumidores. Entretanto, os líderes empresariais raramente estão na linha de frente da comercialização de novas tecnologias que não atendam desde o início as demandas funcionais da tendência principal dos consumidores atuais, sendo atrativas apenas para mercados reduzidos e emergentes. Para quepermaneçam no topo de sua área de atividades, os administradores devem primeiramente ser capazes de identificar as tecnologias que se enquadram nessa categoria. É preciso envolver-se e persistir, protegendo-as dos processos e incentivos dirigidos aos clientes predominantes. A única maneira de obter isso, segundo os autores, é criando organizações que sejam completamente independentes do negócio ou...
tracking img