Entendendo a criatividade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2058 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ENTENDENDO A CRIATIVIDADE

Ruy Davi de Góis

1. Criatividade: noções introdutórias

A criatividade é uma das ferramentas mais importantes de que o homem dispõe, quando se encontra no exercício da inovação, quer ela vise a mudanças coletivas ou individuais, gerando uma simples alteração na qualidade de vida das pessoas ou uma mudança notável na história da humanidade. Assim, foram os casosde Martin Luther King Júnior (vide famoso sermão “eu tenho um sonho”), cuja visão e tática social não violenta mudaram os EUA; Chuck Jones, desenhista do desenho animado do Pernalonga, Coyote e Patolino, para quem temer o “dragão” da ansiedade é o estopim da criatividade e Albert Einstein com a teoria da relatividade. Individualmente, você pode melhorar a qualidade de vida, aproveitando melhor oseu tempo, reservando momentos para criar. Neste artigo, abordar-se-á este tema sob três perspectivas: individual, social e empresarial. Eis, inicialmente, algumas definições importantes dentre desses enfoques.

“A criatividade necessita não apenas de iluminação e inspiração, ela necessita também de muito trabalho, treino prolongado, atitude criativa, padrões perfeccionistas.” (Maslow, 1968)“Criatividade é o processo de tornar-se sensível a problemas, deficiências, lacunas no conhecimento, desarmonia; identificar a dificuldade; buscar soluções, formulando hipóteses a respeito das deficiências; testar e testar de novo estas hipóteses e, finalmente, comunicar os resultados.” (Torrance, 1965)

“Criatividade é o processo que resulta em um produto novo; é aceito como útil e/ousatisfatório por um número significativo de pessoas em algum ponto no tempo”. (Stein, 1974)

“Criatividade é a geração de ideias, processos, produtos e/ou serviços novos – para aquele indivíduo/grupo ou naquele contexto – que produzam alguma contribuição valiosa para a organização e/ou para o bem-estar das pessoas as quais trabalham naquele contexto e que possuam elementos essenciais à suaimplementação.” (Parkhurst,1999)

“Criatividade é habilidade ou qualidade exibida quando se solucionam problemas até então não solucionados, quando se desenvolvem novas soluções para outros problemas diferentemente dos já solucionados, ou quando se desenvolvem produtos novos e originais (pelo menos para o originador).” (Bruno – Faria, 2003)

“1. Qualidade ou característica de quem ou do que é criativo; 2.Inventividade, inteligência e talento, natos ou adquiridos, para criar, inventar, inovar, quer no campo artístico, quer no científico, esportivo, etc. 3. Rubrica: lingüística. Capacidade que tem o falante de produzir e compreender um número imenso de enunciados, mesmo aqueles que não tinham sido por ele ouvidos ou pronunciados anteriormente. [Decorre da competência lingüística, que é oconhecimento intuitivo que todo falante possui dos princípios e regras da usa língua.]” (Houaiss)

A criatividade não tem limites. Ela pode ser cultivada por todos: de crianças a idosos (e ela não diminui com o passar do tempo), de pequenos comércios a grandes empresas, de iniciativas individuais a comunidades inteiras. Está diretamente ligada à ousadia, a exploração de novas possibilidades e a melhoriade algo. Para estimular o seu espírito criativo, é preciso aprender a liberar os recursos mentais, usando, conjuntamente, os dois lados do cérebro. O lado direito é responsável pela criação das idéias, e o esquerdo, pelas análises. São momentos propícios a essa prática: na realização de exercícios físicos do tipo natação e corrida, no banheiro, ao nos banharmos ou fazermos a barba, numa longaviagem de carro, principalmente se não ligarmos o rádio. Segundo o poeta Guillaume Apollinaire, temos de perder o medo de voar:

“Cheguem até a borda, ele disse.

Eles responderam: Temos medo.

Cheguem até a borda, ele repetiu.

Eles chegaram.

Ele os empurrou... E eles voaram.”

O que sabemos sobre...
tracking img