Ensaio jominy

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4065 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
4

Bruno Gomes Jabour Rafael Souto Valadares Raphael Lorençon Barcelos Heberson Alfredo Nunes Bello Yanna Lacerda Pena Rodrigues

ENSAIO JOMINY

UCL – Faculdade do Centro Leste Serra - 2012

5

Bruno Gomes Jabour Rafael Souto Valadares Raphael Lorençon Barcelos Heberson Alfredo Nunes Bello Yanna Lacerda Pena Rodrigues

ENSAIO JOMINY

Trabalho apresentado a UCL- Faculdade doCentro Leste, como requisito parcial para a aprovação na disciplina de Ciência e ensaio dos materiais, sob orientação do Professor: Luiz Alberto Baptista Pinto Junior.

UCL – Faculdade do Centro Leste Serra – 2012

6

Bruno Gomes Jabour Rafael Souto Valadares Raphael Lorençon Barcelos Heberson Alfredo Nunes Bello Yanna Lacerda Pena Rodrigues

ENSAIO JOMINY

Este documento tem porobjetivo, definir através do ensaio de temperabilidade (Ensaio Jominy), a temperabilidade de um material, ou seja, a capacidade de tempera na profundidade do mesmo, identificar diferenças de dureza ao longo de um corpo de prova depois de temperado, e comparar as mesmas com corpos de provas de materiais de diferentes ligas porém com percentuais de carbono iguais.

UCL – FACULDADE DOCENTRO LESTE

Curso de Engenharia (Mecânica, Civil e Materiais)

Data de Aprovação: ___ de ____ de 2012

Luiz Alberto Baptista Pinto Junior. ______________________________

7

Dedicamos este trabalho ao professor Luiz Alberto Baptista Pinto Junior, com o âmbito de fazer uma homenagem de gratidão especial.

8

Agradecemos primeiramente a Deus, pelo dom da vida, da saúde, do amor eda sabedoria. Ao querido professor Luiz Alberto Baptista Pinto Junior pela sua amizade, paciência, compreensão e imprescindível orientação acadêmica. A todas as pessoas que, direta ou indiretamente contribuíram com carinho e atenção durante a construção desse trabalho.

4

FIGURAS
Figura 1 - Diagrama Fe-C, com algumas microestruturas de aços e ferros fundidos. .................. 7Figura 2 - Estrutura cristalina da martensita. .............................................................................. 9 Figura 3 - Representação esquemática da alteração da forma das curvas de transformação devido à influência de elementos de liga nos aços. ................................................................... 10 Figura 4 - Dureza máxima versus teor de carbono de açoscomuns. ......................................... 11 Figura 5 – Diagrama TTT ....................................................................................................... 12 Figura 6 - Aço AISI 5140 com 0,43% C, 0,68% Mn e 0,93% Cr.............................................. 13 Figura 7 - Aço AISI 4340 com 0,42% C, 0,78% Mn, 1,79 Ni, 0,80% Cr e 0,33% Mo .............. 13 Figura 8– Bainita e Martensita, respectivamente. .................................................................... 14 Figura 9 - Ferrita e Cementita, respectivamente. ...................................................................... 14 Figura 10 - Diagrama TTT para um aço hipoeutetóide (0,008% a 0,77% C)............................. 15 Figura 11 - Aço 1040 e Aço 1541. Respectivamente................................................................ 16 Figura 12 - Exemplos de curvas de resfriamento com diferentes velocidades (aço eutetóide). .. 17 Figura 13 - Representação das velocidades de resfriamento de uma peça de aço eutetóide. ....... 18 Figura 14 - Corpos de prova dos aços hipoeutetóides. .............................................................. 18 Figura 15 - Fornoda Brasimet. ................................................................................................ 19 Figura 16 - Equipamento para teste de temperabilidade. .......................................................... 19 Figura 17 - Durômetro para ensaio de dureza Rockwell C. ...................................................... 19 Figura 18 - Amostra sendo retirada do...
tracking img