Engenharia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3117 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CBMSC – NSCI/94 – CAPÍTULO XIII – Sistema de Iluminação de Emergência

CAPÍTULO XIII Iluminação de emergência

Art. 363 - É o conjunto de componentes e equipamentos que, em funcionamento, proporcionam a Iluminação suficiente e adequada para permitir a saída fácil e segura do público para o exterior, no caso de interrupção da alimentação normal, como também, a execução das manobras deinteresse da segurança e intervenção do socorro e garante a continuação do trabalho naqueles locais onde não pode haver interrupção da Iluminação. SEÇÃO I Projeto de Instalação do sistema Art. 364 - O projeto deve ser constituído de plantas, memoriais e outros documentos que facilitem a instalação do sistema. Art. 365 - Devem constar do projeto as seguintes informações: I - especificações dos aparelhos;II - identificação das áreas percorridas pelos circuitos de iluminação de emergência; localização das fontes de energia; posição das luminárias e demais componentes do sistema; III - deve constar nota em projeto, fazendo referência quanto a: a) nível de iluminamento a ser atingido pela (s) luminária (s) ao nível do piso considerado; b) bitola mínima dos condutores; c) tipo de fonte de energia; d)autonomia do sistema; e) especificação dos condutores quanto a risco de incêndio ou danos físicos e químicos; f) tempo de comutação do sistema. IV - memoriais. § 1º - Em escada não devem ser utilizados projetores ou faróis. § 2º - O projeto do sistema de iluminação deve prever uma distribuição de pontos e determinação das luminárias de forma que haja uma uniformidade de iluminação em todos osambientes, em função de um cálculo luminotécnico. § 3º - A proporção média de nível de iluminamento entre áreas charas e escuras deve ser no máximo de 1:20. § 4º - A distância máxima entre dois pontos de iluminações de ambiente deve ser equivalente a quatro vezes a altura da instalação destes em relação ao nível do piso. § 5º - Quanto à fonte de energia centralizada, esta pode estar localizada em umúnico local ou estar setorizada em pequenas centrais, mantendo as características já mencionadas. SEÇÃO II Da localização das fontes Art. 366 - Para o local onde serão instalados os componentes da fonte de energia, para o abastecimento do sistema de Iluminação de Emergência, devem ser consideradas as seguintes condições, além das específicas para cada tipo de fonte: I - Não se situar emcompartimentos acessíveis ao público, nem tão pouco onde haja risco de incêndio; II - Ser isolado de outros compartimentos por paredes resistentes ao fogo, com tempo mínimo de 2 horas; III - Ser ventilado, de forma adequada à cada tipo de fonte de energia e dotado de dispositivos para escapamento de ar para o exterior da edificação, não devendo os gases de evaporação e/ou combustão passarem por locais oucompartimentos acessíveis ao público;
61

CBMSC – NSCI/94 – CAPÍTULO XIII – Sistema de Iluminação de Emergência

IV - Não oferecer riscos de acidentes aos usuários, como ocorrência de explosão, fogo, propagação de fumaça ou acidentes de funcionamento produzindo obstrução à evacuação da edificação ou à organização de socorro; V - Ter fácil acesso para inspeção e manutenção. SEÇÃO III Das fontesalimentadoras Art. 367 - As fontes poderão ser do tipo: I - Sistema Centralizado de Acumuladores - requisitos: a) Circuito carregador com recarga automática, de forma a permitir que a tensão da bateria permaneça com 100% da tensão nominal; b) Carga baseada em corrente limitada, com supervisão constante, evitando-se sempre carga rápida; c) Supervisão constante da tensão da bateria associada acorrente de carga, evitando a evaporação de eletrólito; d) Transferência automática para o estado de flutuação quando os sensores de tensão e corrente indicarem a condição de carga completa; e) O circuito carregador deve ser previsto de forma a possibilitar que as baterias recuperem sua carga até 80% em 12 horas, à partir do reestabelecimento da energia da rede geral; f) Esse circuito deve estar...
tracking img