Engenharia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1047 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
| Universidade Estadual de MaringáCentro de TecnologiaDepartamento de Engenharia de Produção |

INCUBADORA TECNOLÓGICAJonatan Lucas MoreiraAlberto Albuquerque de GusmãoRodolfo Gimenes Mafra JuniorMario Henrique Bueno Moreira CallefiCarlos Augusto Matos FerrariVinicius Galindo de MelloGabriel Augusto Curiori |

Maringá - Paraná
Brasil


| Universidade Estadual de MaringáCentro deTecnologiaDepartamento de Engenharia de Produção |

INCUBADORA TECNOLÓGICA

ACADÊMICOS: JONATAN LUCAS MOREIRA RA: 67248
ALBERTO ALBUQUERQUE DE GUSMÃO 64585
RODOLFO GIMENEZ MAFRA JUNIOR 67223
MARIO HENRIQUE BUENO MOREIRA CALLEFI 67126
CARLOS ALGUSTO MATOS FERRARI 62778
VINICIUS GALINDO DE MELLO 67439
GABRIEL AUGUSTO CURIONI 70789Trabalho apresentado para avaliação da matéria de Introdução a Engenharia de Produção, do curso de Engenharia de Produção de Software, turno noturno, da Universidade Estadual de Maringá, ministrado pela prof. Drª. Márcia M. A. Samed.

Maringá
2011
RESUMO

Este trabalho tem como tema principal, as incubadoras tecnológicas, onde serão apresentadas definições da mesma, características eoutros aspectos importantes.
Além disso, será mostrado, detalhes sobre a reportagem realizada pelo grupo na empresa Vasto T.I.
Palavras-chave: Empresa Incubada, Incubadora Tecnológica, inovação tecnológica.

SUMÁRIO

RESUMO ii
1. INTRODUÇÃO 01
2. REVISAO DA LITERATURA 02
3. ENTREVISTA Á EMPRESA VASTO.T.I 03
3.1 RELATO DA ENTREVISTA NA VASTO T.I 03
4.CONCLUSÃO 05
5. REFERÊNCIAS 06

1. INTRODUÇÃO

Incubadoras Tecnológicas são organizações que promovem o processo de criação de novas empresas a partir da seleção de bons projetos, de empreendedores, empresarialmente viáveis, oferecendo apoio desde a fase de definição, passando pela implantação, desenvolvimento, até chegar à maturidade do negócio, quando a empresa consegue andar sozinha,com as próprias pernas.
Outra definição para incubadoras tecnológicas de empresas é um ambiente flexível e encorajador onde são oferecidas umas séries de facilidades para o surgimento e crescimento de novos empreendimentos. Além de acessória na gestão técnica e empresarial da empresa, a incubadora oferece a infraestrutura e serviços compartilhados para o desenvolvimento do novo negócio. Incubadoras, na maioria, ligadas a universidades e instituições de pesquisas, instaladas nos seus campus ou proximidades, que visam, prioritariamente, incubar idéias, empresarialmente viáveis, que surgem a partir de estudos e pesquisas desenvolvidos no seio dessas próprias instituições e chamamento externo - via edital público - de novos negócios dessa área.
Em 20 de março de 2000 foi inaugurada aIncubadora tecnológica de Maringá que oferece um ambiente empresarial voltado para inovação; relacionamento com especialistas; captação de recursos e acesso a editais de fomento; facilidade em transferência de tecnologia e know-how; disponibilidade de infraestrutura física; obtenção de mão-de-obra qualificada; divulgação dos produtos ou serviços; acompanhamento contínuo e permanente e associação aonome da Incubadora.
*
*
*
*
*
*

*
2. REVISÃO DA LITERATURA

Segundo Camarotti (2001) a experiência da incubadora tecnológica de cooperativas populares de coordenação com universidades, abriu um novo conjunto de ações de apoio ás iniciativas de geração de trabalho e renda.

3. ENTREVISTA Á EMPRESA VASTO.T.I

A seguir serão mostrados detalhes daentrevista á empresa Vasto T.I , que se encontra na incubadora tecnológica de Maringá.
3.1 Relato da entrevista á empresa Vasto T.I

Um método de uma empresa se manter no mercado é através da tecnologia, inovações, e uma boa administração. Atualmente muitas empresas não conseguem se manter por mais que 1 ou 2 anos, as que se firmam, na maioria, investem em tecnologia e inovações.
Para...
tracking img