Engenharia civil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1165 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Santo Ângelo, Maio de 2012.
















MEMORIAL TÉCNICO DESCRITIVO – SOLUÇÕES DE PATOLÓGICAS.


PRÉDIO 3 - URI




















RESPONSÁVEIS TÉCNICOS: Raquel Dal Soglio, Rossana S. Hamerski.









MEMORIAL TÉCNICO DESCRITIVO



LOCAL : Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões – URI - Campus de Santo Ângelo.PRÉDIO : 3






1. GENERALIDADES

As presentes especificações têm por objetivo reparar as patologias existentes na edificação, que se trata de um prédio em alvenaria, de dois pavimentos, com estruturas de concreto armado, coberto com telhas de zinco, situado junto a Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões Campus de Santo Ângelo, localizado na Rua Universidadedas Missões, nº 464, zona norte da cidade, realizado a pedido do Sr. Nelson Seidler, professor de Patologia das Construções.



2. SOLUÇÕES ADOTADAS


1. QUANTO ÀS FISSURAS

Primeiramente será feito procedimentos em laboratório para verificar se as fissuras apresentadas são passivas ou ativas.
Portanto para saber se a fissura é ativa ou passiva devemos preencher a aberturacom selo de gesso. Se fissurar o gesso, indica que ainda há movimentação, ou seja, ela é ativa ao contrario será passiva.


1. FISSURAS ATIVAS

Neste caso existente no prédio 3 poderão ser reparadas com selante elástico ElimineTrinca da marca Selamix, ele é um produto que já vem pronto para aplicação, e não deve ser misturado, nem diluído a qualquer outro produto. Para ter uma ótimasolução pra estas fissuras o produto deverá ser aplicado de maneira correta, começando pela raspagem da fissura com um raspador do tipo V. Após a limpeza da fissura, o produto será aplicado com espátula metálica, pressionando o mesmo contra a fissura.
Em fissuras maiores será utilizada tela de poliéster da marca Selamix e posteriormente será aplicada nova camada do selante.
E por fim seráfeito uma pintura com tinta flexivel.












2. FISSURAS PASSIVAS


O reparo de fissuras inativas geralmente implica na restauração da monoliticidade do concreto. Consiste, portanto, na aplicação de produtos adesivos capazes de promover a aderência entre os concretos de suas duas faces.
A aplicação dos adesivos pode ser feita por gravidade ou por injeçãosob-pressão (ar comprimido), conforme o caso.
Para ter uma ótima solução pra estas fissuras passivas o produto deverá ser aplicado de maneira correta, começando pela abertura da fissura e logo após a injeção de resina sintética para tornar a peça monolítica novamente.
Como precaução será aplicada no substrato da fissura uma fita crepe colada para separar o revestimento da alvenaria.
E por fimserá feito uma pintura com tinta flexivel.

2. QUANTO ÀS INFILTRAÇÕES


Evitar as infiltrações é bem mais simples do que combatê-las. Portanto, nessa edificação devemos descobrir a raiz e trata-la. Se a umidade vier do piso, é necessário quebrar a base das paredes até a fundação e aplicar produtos impermeabilizantes sob o piso e nas bases das paredes, ou então, deve ser usado umimpermeabilizante apropriado para conter a umidade que vem do solo.
Se a infiltração estiver descendo a parede, começando pelo telhado como no caso dessa edificação, o ideal é verificar as condições do telhado e da laje de cobertura para descobrir qual é a origem do problema. A posição das telhas e das vigas de sustentação deve ser conferida. Na laje de cobertura, a aplicação de um impermeabilizanteé essencial para conter a infiltração da água da chuva. Também pode ser necessária uma impermeabilização nas paredes, pois algumas vezes a água das chuvas penetra pela porosidade dos blocos utilizados.
O produto que será utilizado para o tratamento das infiltrações será o Sanflex da marca Selamix. Este produto é um ótimo impermeabilizante superficial de alvenaria, ele possui excelente...
tracking img