Empregabilidade de mestres e doutores

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 23 (5624 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
FUNDAÇÃO GETÚLIO VARGAS
ESCOLA BRASILEIRA DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA E DE EMPRESAS
CURSO DE MESTRADO EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

A Empregabilidade de Mestres e Doutores

por

Eduardo de Moura
Virgínio Vieira Oliveira

Trabalho Final apresentado à disciplina Globalização, Empregabilidade e Mudanças nas Relações de Trabalho do curso de Mestradoem Administração Pública da Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas da Fundação Getúlio Vargas.

Professora: Deborah Moraes Zoauin

Agosto de 2010
Rio de Janeiro

A Empregabilidade de Mestres e Doutores

Eduardo de Moura/Virgínio Vieira Oliveira

SUMÁRIO: 1. Introdução; 2. Empregabilidade; 3. A Origem e a Evolução da Pós-graduação no Brasil; 4. AEmpregabilidade de Mestres e Doutores no Brasil; 5. Considerações Finais.

SUMMARY: 1. Introduction; 2. Employability; 3. The Origin and Evolution of Post-graduation in Brazil; 4. The Employability of Masters and Doctors in Brazil; 5. Final Remarks.

Palavra-Chave: Empregabilidade.

Key Word: Employability.

Resumo - Este artigo foi elaborado com base nas referências bibliográficasapresentadas na disciplina Globalização, Empregabilidade e Mudanças nas Relações de Trabalho, do curso de Mestrado em Administração Pública, da Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas, da Fundação Getúlio Vargas (FGV), e em informações colhidas de sites disponíveis na Internet que versam sobre o tema, com o objetivo de identificar os principais destinos dos mestres e doutores, a partir daanálise das características que lhes garante a empregabilidade, frente às exigências do mercado de trabalho.

Abstract - This article was based on the bibliographical references presented in the discipline Brazilian Governmental Organization of the Master course in Public Administration of the Brazilian School of Public Administration and Business from Fundação Getúlio Vargas (FGV) andinformation collected from sites available on the Internet that deal with the subject, in order to identify the main destinations of masters and doctors, from the analysis of the features that guarantees them the employability, before the demands of the labor market.

1 INTRODUÇÃO
Emprego e desemprego são temas antagônicos, mas estritamente relacionados e sempre muito debatidos em nossocotidiano. Resumindo as diversas definições existentes para emprego, podemos caracterizá-lo como a função e a condição das pessoas que trabalham, em caráter temporário ou permanente, em qualquer tipo de atividade econômica, remunerada ou não. O seu volume varia segundo diversos fatores, dentre os quais se destaca a política econômica governamental que também afeta o seu nível, entendido como sendo arelação entre as pessoas que podem trabalhar e as que efetivamente trabalham.
Segundo Renasce Brasil (2009), desemprego é a condição ou situação das pessoas consideradas como “ativas" (em geral entre 14 e 65 anos), que estejam, por determinado prazo, sem realizar trabalho em qualquer tipo de atividade econômica, remunerada ou não. É uma situação de ociosidade involuntária em que as pessoas seencontram.
Entretanto, hoje, estar empregado ou desempregado se torna irrelevante, dada a importância atribuída à empregabilidade. O termo empregabilidade significa, segundo Minarelli (1995), capacidade de adequação do profissional às novas necessidades e dinâmica dos novos mercados de trabalho, ou seja, de proteger-se das suas instabilidades.
Sob o enfoque da empregabilidade,abordaremos o destino dos mestres e doutores brasileiros, e os seus principais atributos que os tornam atrativos não somente para o setor de educação, mas também para o setor produtivo e para a resolução dos problemas da sociedade.
Embora a missão original da pós-graduação tenha sido a preparação de docentes, segundo estudos do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), pelo menos a metade dos...
tracking img