Embu das artes

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1724 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Contexto social político e economico de embu das artes
A Sub-região Sudoeste da RMSP é composta pelos municípios de Embu das Artes, Embu-Guaçu, Itapecerica da Serra, Juquitiba, São Lourenço da Serra e Taboão da Serra. A maioria deles abriga remanescentes de Mata Atlântica e apenas o último não está inserido em área de proteção de mananciais (APM). Por esse motivo, podemos observar que essesmunicípios têm importante papel na conservação dos mananciais e na proteção das áreas que restaram de Mata Atlântica dessa região.
A economia desses municípios, principalmente os que têm 100% de sua área em APMs (São Lourenço da Serra, Embu-Guaçu, Itapeceria da Serra e Juquitiba), é predominada pelo mercado informal e pela prestação de serviços, além dos empregos oferecidos nos órgãos públicos dacidade e no comércio local. Devido à proximidade com a capital, é grande o fluxo dos migrantes que chegam à essas cidades e que acabam por comprar lotes, a baixo custo, em áreas irregulares e muitas vezes em loteamentos clandestinos. Esta situação colabora com a formação de bairros grandes onde predominam a pobreza e a exclusão social.
As populações desses municípios vêem a floresta, os rios, anatureza como "impedidores do desenvolvimento devido às restrições da legislação ambiental". Como conseqüência, a grande maioria da população tem ações incompatíveis com a sustentabilidade do desenvolvimento.
Na 2 a. Conferência Regional de Cidades – Região Sudoeste, realizada em 31/7/2005, apresentou-se documento descritivo da região, com dados obtidos junto às Prefeituras, Emplasa[->0], e outrosórgãos dos governos estaduais e nacional. Nas Tabelas e Gráficos então publicados, em parte aqui reproduzidos, apresentam-se alguns parâmetros considerados como prioritários para a avaliação das condições das cidades inseridas na Sub-região Sudoeste da Região Metropolitana de São Paulo, inclusive comparando esses valores com a metrópole paulistana, com a RMSP e com o Estado de São Paulo, visandodemonstrar as principais características da Sub-região Sudoeste” (2 a. Conferência Regional de Cidades – Região Sudoeste):

As considerações adiante fazem parte do documento da 2 a. Conferência Regional de Cidades – Região Sudoeste:
Área de Proteção de Mananciais
Dos 39 municípios que compõe a RMSP, 14 encontram-se totalmente fora das Áreas de Proteção de Mananciais (APM), 14 estãoparcialmente enquadrados nestas áreas e apenas 6 tem 100% de seu território em APM, sendo que 4 deles encontram-se na Sub-região Sudoeste da RMSP – Embu-Guaçu, Itapecerica da Serra, Juquitiba e São Lourenço da Serra; com crescimento populacional anual alto, sem infra-estrutura física, sem capacidade de desenvolvimento e, portanto com parcos recursos municipais, sem qualquer tipo de política habitacional,com altos índices de violência e pobreza, com a perspectiva remota de alcançar a melhoria da qualidade de vida de seus habitantes, de proteger os mananciais que abastecem a região metropolitana e com legislação restritiva e desatualizada frente a uma situação consolidada, necessitando de especial interesse das três esferas de governo para promover a adequação sócio ambiental que garanta o direitoconstitucional a um meio ambiente preservado, à moradia digna, ao transporte, à saúde, à educação, ao lazer, ao esporte, à cultura, ao emprego e à renda, essa é a condição dos municípios sudoestes da RMSP.
Migração
Os maiores crescimentos migratórios ocorrem nos municípios com 100% do seu território em área de proteção aos mananciais;
Índice de Violência
O índice de mortalidade por agressãoé maior nos municípios limítrofes à Cidade de São Paulo – Embu, Embu-Guaçu e Itapecerica da Serra; embora os demais municípios da região sudoeste estejam com valores acima da média da Região Metropolitana, esses valores são praticamente o dobro do índice estadual, significando que a concentração populacional, em franca ascendência, aliada ao baixo índice de desenvolvimento sócio-econômico têm...
tracking img