Economia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1575 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1) Explique a lei da demanda. Por que uma curva de demanda possui inclinação decrescente? Quais são os determinantes da demanda? O que acontece com a curva de demanda quando cada um desses determinantes varia? Utilize ilustração gráfica.

Em economia, demanda, procura, ou "demandada" é a quantidade de um bem ou serviço que os consumidores desejam adquirir por um preço definido em um dadomercado, durante uma unidade de tempo.
A demanda pode ser interpretada como procura, mas nem sempre como consumo, uma vez que é possível demandar (desejar) e não consumir (adquirir) um bem ou serviço. A quantidade de um bem que os compradores desejam e podem comprar é chamada de quantidade demandada.
A curva da demanda é inclinada negativamente devido ao efeito de substituição e de renda.
Há umarelação inversamente proporcional entre a quantidade procurada e o preço do bem. É a chamada Lei Geral da Demanda. Essa relação pode ser observada a partir dos conceitos de escala de procura, curva de procura ou função demanda.



2) Explique a lei da oferta. Quais são os determinantes da oferta? O que acontece com a curva da oferta quando cada um desses determinantes varia? Utilize ilustraçãográfica.

3) Sendo Qd a quantidade demandada, p o preço e  a elasticidade-preço da demanda observe a seguinte tabela:

Pontos Qd P  Tipo de Produto
A 120 10 BC =
B 100 20 0,555
C 80 30 CD =
D 60 40 1
E 40 50 EF =
F 20 60 3,72

a) Calcule a elasticidade-preço da demanda nos arcos BC, CD e EF, indicando os valores na tabela; b) Cite um tipo de produto que se relaciona aocomportamento do consumidor. Defina se é um produto de procura elástica, inelástica ou unitária.

a) Valores na tabela.

b) Exemplos de produtos Elásticos: café, carnes nobres (picanha, filé-mignon, etc), manteiga (que pode ser substituída por margarina), carro, calçados, celular, computador, geladeira, etc.

Exemplos de produtos Inelásticos: sal de cozinha, remédios, etc. Ou seja, ninguémvai consumir mais sal ou tomar mais remédio porque os preços foram reduzidos. E nem deixar de consumi-los porque o preço foi aumentado. A baixa inelasticidade está presente, também, nos produtos de alta necessidade humana. (água, arroz, açúcar, feijão, carne de “segunda”, etc).

c) BC = Procura inelástica (1)

4) Imagine a Classificação de Stackelberg sobre as estruturas de mercado:Procura

Oferta
Muitos Compradores
Um só Comprador
Poucos Compradores

Um só Vendedor

Monopólio
Monopólio Bilateral
Quase Monopólio

Poucos Vendedores

Oligopólio
Quase Monopsônio
Oligopólio Bilateral

Muitos Vendedores

Concorrência Perfeita
Monopsônio
Ologopsônio

Preencha o quadro procurando destacar a estrutura que mais de aproxima do número deagentes envolvidos. Da abordagem feita indique aquela(s) que mais se aproxima (m) da realidade brasileira. Explique porque.



5) Explique em que consiste e quais as peculiaridades das seguintes estruturas de mercado: a) monopólio; b) oligopólio; c) concorrência perfeita; e d) concorrência monopolística.

a)O monopólio caracteriza-se quando uma única empresa produz determinado bem, nãoexistindo nenhum bem substituto próximo (exemplo a EDP em Portugal no que respeita à distribuição de energia e a Petrobrás no Brasil). Este modelo leva a que seja quase impossível entrarem novas empresas concorrentes no mercado, pela existência de barreiras à entrada. A situação de monopólio pode ser o resultado de imposição do legislador (monopólio legal) ou devido às próprias características domercado, que levem a que seja economicamente mais eficiente que apenas uma só empresa produza o bem em situação monopolística (monopólio natural). Outras causas podem, também, estar relacionadas com a existência de economias de escala, associadas à produção do bem, assim como a possibilidade de abuso de posição dominante pela empresa monopolista. As principais razões associadas à existência deste tipo...
tracking img