Economia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1151 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO – UFMA
CENTRO DE CIENCIAS SOCIAIS – CCSo
CURSO DE CIÊNCIAS ECONOMICAS

Benicio Pinheiro Jafar Neto – EC09251-84

QUESTÕES DE ECONOMIA CLÁSSICA: FISIOCRATAS E ADAM SMITH

Questões para a 1ª avaliação da disciplina, ministrada no 1º semestre de 2012. Professor: Elizeu Serra de Araújo

São Luís
2012
1. Explique os avanços e limites da teoria doexcedente formulada pelos fisiocratas, no tocante aos seguintes aspectos: sua origem e sua apropriação.

No texto de Cláudio Napoleoni, passando pelo professor Elizeu Serra, tivemos a oportunidade de compreender como os fisiocratas formularam suas teorias sobre o sistema econômico em seu conjunto, na ideia de que a economia deveria ser tratada como uma ciência.
Assim, as relações econômicas seriamregidas por uma “ordem natural”. Napoleoni diz sobre o discurso dos fisiocratas: “A premissa em que se baseia seu discurso, é a afirmação de que existe uma “ordem natural” para a sociedade, à semelhança da ordem que rege a natureza física.” (NAPOLEONI, 1973, p. 22). Diante disto, dentro das teorias dos fisiocratas, podemos dizer que sua maior contribuição para a economia foi que eles detectaramde uma forma nunca antes posta, a origem do excedente da produção no processo produtivo. Porém, na visão dos fisiocratas essa concepção só era possível no setor agrícola, pois, o único fator que poderia gerar o “produto líquido”, que era a “parte da riqueza produzida que excede a riqueza consumida ao longo do processo produtivo” (NAPOLEONI, 1973, p. 26), era a fertilidade natural do solo, então eraapenas na agricultura que se poderia obter algum excedente de produção. Esse seria o grande limite do conceito da origem do excedente da produção na visão dos fisiocratas. Atribuir apenas ao setor agrícola a capacidade de gerar excedente de produção no processo produtivo do sistema econômico em seu conjunto.
Com relação à apropriação do excedente, os fisiocratas fizeram uma distinta avaliaçãodo funcionamento do sistema econômico, de como a produção se apresentava para cada classe envolvida nesse sistema. Fraçois Quesnay, importante pensador entre os fisiocratas, formulou o Quadro econômico (Tableau économique), que dividia a sociedade em três classes: a “produtiva”, composta pelos arrendatários de terras e assalariados; a “classe estéril”, composta por todos que exerciam suasatividades fora da agricultura; e a “classe” dos proprietários, composta pelo rei e sua corte e a igreja. Devido às ideias que restringiam a capacidade de produzir excedente apenas ao setor agrícola, os fisiocratas se limitavam a destinar todo o “produto líquido” à renda da terra, pertinente à classe dos proprietários.
Tudo isso, enfim, resultado da falta de uma ideia mais ampla de produtividade.2. No tocante à medida real do valor de troca das mercadorias, Smith adota a quantidade de trabalho gasta em sua produção ou a quantidade de trabalho que elas permitem comprar (ou comandar)? Justifique. Por outro lado, na passagem do chamado “estado primitivo” para uma sociedade capitalista (caracterizada pela acumulação de capital e pela apropriação privada da terra), que mudança Smith propõe nadeterminação da magnitude do valor de troca das mercadorias?

Para responder a questão proposta precisamos lembrar que na concepção de Smith a palavra valor tem dois significados, ele diz que:
Importa observar que a palavra valor tem dois significados: às vezes designa a utilidade de um determinado objeto, e outras vezes o poder de compra que o referido objeto possui, em relação à outrasmercadorias. (Smith, 1983, p. 61).

Sendo assim, dentro do conceito proposto por Smith do valor de troca das mercadorias, podemos dizer que para ele o que defini esse valor seria a quantidade de trabalho que as mercadorias permitem comandar e não a quantidade de trabalho gasta na produção. Smith propõe que devido à divisão do trabalho “são muito poucas as necessidades que o homem consegue atender...
tracking img