Economia global

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2476 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1. Introdução


Conjunto de atividades econômicas desenvolvidas em todo o mundo. A forma de ganhar dinheiro, de obter rendimentos, de gastá-los ou poupá-los para obter riqueza, depende de como o dinheiro é ganho, gasto e poupado no restante dos países. Estes vínculos internacionais existem há muito tempo, mas, devido às mudanças de natureza, a sua intensificação e ampliação, a economiamundial atual é bem diversa da economia internacional anterior.
Ao abordar este tipo de economia, estão sendo abordadas as relações internacionais existentes desde o surgimento do comércio, e também é afirmado que a produção, o consumo, o investimento, as finanças e qualquer outra atividade econômica estão organizadas em escala mundial. Isto significa que as instituições nacionais possuempoder restrito para influir sobre sua
própria atividade econômica.








































2 Desenvolvimento


2.1 Economia Global dos anos 1960/70


Durante a década de 60 a economia norte-americana viveu um dos mais fortes períodos de expansão de sempre, com 35 trimestres de crescimento positivo consecutivos(contado com o segundo trimestre de 67 que foi de crescimento 0), e que lhe permitiu atingir um crescimento médio anual durante essa década de 4,4%.
Como se pode ver pelo gráfico abaixo a economia norte-americana registrou dois trimestres de crescimento negativo logo no início dos anos 60 e só voltou a registrar tal evolução no final da década, exatamente no último trimestre de 69 e primeiro de70. Esta ligeira recessão deu início a um período conturbado da economia, com vários trimestres de crescimento negativo e fortes recessões, nomeadamente em finais de 74 e princípios de 80. O crescimento médio anual decaiu fortemente e se nos anos 60 tinha sido de 4,4%, nos anos 70 apenas atingiu os 3,3%.
A forte expansão vivida nos anos 60 contribuiu naturalmente para uma forte diminuiçãoda taxa de desemprego, caindo de cerca de 6% no início da década para baixo dos 4% no final da mesma. Pelo lado oposto, o conturbado período vivido nos anos 70 teve como consequência um crescimento muito elevado do desemprego chegando a atingir mais de 8% a meio da década.
Mas a década de 70 ficou foi realmente famosa por ter sido vivida num ambiente de elevada inflação. Comparando asduas décadas aqui analisadas facilmente se nota uma mudança drástica relativamente à evolução geral dos preços e enquanto que na década de 60 a inflação média anual foi de 2,4% na de 70 foi de 7,1%, com o seu pico a ser atingido já em 1980 quando a inflação era mais de 13%.
Mas importa aqui salientar outro ponto. Se olharmos para o gráfico, facilmente percebemos que o aumento da inflação sedeu ainda em meados da década de 60, e assim, se em 1965 a subida média anual dos preços foi de 1,6%, já em 1969 esse valor atingiu os 5,5%. Este ponto é muito importante e indica que algo já não estava bem quando entramos nos anos 70.
Politicamente a década de 60 ficou marcada pelo assassínio de Kennedy em finais 1963, e pela posterior presidência de Lyndon Johnson, que pôs em marcha oprograma Grande Sociedade, que tinha como objetivo melhorar a vida das pessoas, investindo-se na educação, no auxílio médico, desenvolvimento das regiões menos favorecidas, etc. Além deste programa, os Estados Unidos mantinham-se envolvidos numa controversa e dispendiosa guerra, Vietnam, e empenhados na conquista do espaço, gastando milhões para se manterem à frente dos russos e porem um Homem na luaaté 1969.
Todos estes programas e gastos governamentais contribuíram para o período de expansão vivido, mas também tiveram como consequência a degradação das contas do Estado. Assim, podemos verificar que se em 1960 houve um excedente de 0,1% do PIB, os oitos anos seguintes foram de déficit, e nomeadamente a partir da segunda metade da década houve um forte agravamento atingindo-se um...
tracking img