Drogas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 25 (6205 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1 INTRODUÇÃO
O tráfico de drogas ilícitas adquiriu proporções assustadoras. Os criminosos dominam certas regiões ou bairros. E, em Vacaria?A figura do “poderoso chefão” do crime existe?
Como o crack assumiu o antigo reinado da maconha, pode-se dizer que houve também mudança no tráfico de drogas. Foi uma mudança drástica. O crack, com seu intenso poder de dependência química somado ao baixopreço de aquisição, dizimou parte da nossa sociedade.
Com seu poder avassalador ele escravizou e escraviza muitas pessoas. É uma droga rápida e intensa. Em 15 segundos faz efeito no cérebro que chega a durar cinco minutos no organismo.
Isso faz com que a pessoa queira cada vez mais e a leva inevitavelmente ao mundo da violência.
O crack fez o tráfico ficar mais forteporque dominou um exército de viciados cada vez mais violentos.
Era comum ouvir antigamente que o traficante era uma figura inteligente, porque não se envolvia com o produto que vendia. Baseado em casos concretos, quando se trata de crack, mudou o perfil do traficante.
Com certeza existem traficantes que comandam crimes não se envolvendo diretamente (com o consumo da droga). Mas, no final dascontas, todos eles são os estopins, a causa de crimes como latrocínios, homicídios, furtos e roubos que registramos hoje em dia.



2 DESENVOLVIMENTO
Vacaria é a maior cidade dos campos de Cima da Serra. Conhecida como a Porteira do Rio Grande, destaca-se por sediar o maior Rodeio Crioulo Internacional, maior manifestação artística, cultural e campeira da tradição gaúcha. Mas não ésó de tradicionalismo que vive o município, o ecoturismo, a pecuária e a produção de maças e pequenas frutas, flores e grãos também se destacam.
Vacaria hoje tem 62 mil habitantes, sendo que em épocas de colheita da maça, principal fonte de renda do município este número aumenta em 10%, e junto com ele os casos de violência e uso de drogas.
Nossa cidade é divisa de estado, onde cruzamduas BR, mais uma ferrovia e um aeroporto de carga, por este motivo concentra um número muito grande de traficantes, que fazem a distribuição da droga para várias cidades vizinhas.
A cidade também tem um número baixo de lazer, não possui cinemas, shows fazendo que o número de usuários seja muito grande.
O problema das drogas pode ser dividido em três vertentes que devem ser solucionados deforma diferentes. Primeiro a ação preventiva a fim de evitar o ingresso dos jovens ao mundo das drogas; segundo, o curativo tratando dos dependentes químicos; e terceiro, a ação da força policial contra os traficantes que trazem as drogas ao município.
Felizmente o município dispõe de ótimos profissionais no CAPS para atender aos dependentes, e o conselho de segurança está promovendo açõespreventivas em parceria com a prefeitura e sociedade.

2.1 ENTREVISTAS
Aproximadamente 100 pessoas são atendidas na Ong Espaço Terapêutico Alternativo Saudável (Etas), em Vacaria. A instituição oferece apoio psicológico para dependentes químicos e familiares, serviço de assistência social, além de atividades recreativas, com aulas de técnicas de agricultura e panificação. Entretanto, otrabalho, voltado para a recuperação dos dependentes, enfrenta dificuldades para ser mantido. "Nós contamos com a boa vontade dos voluntários, e não desistimos porque sabemos que esse trabalho é importante", diz a presidente da Ong, Cristiane Dian.
O deputado Alberto Oliveira (PMDB) esteve reunido com a direção da Ong, na sexta-feira (24), para conhecer o trabalho e as demandas da entidade. "Épreciso coibir o uso de drogas por meio da prevenção, e investir no tratamento de dependentes químicos. Somente com redes de apoio como esta é possível retirar estas pessoas do caminho da exclusão", salientou o parlamentar. A instituição pediu ao deputado apoio para participar de projetos que beneficiem entidades assistenciais, a fim de garantir a manutenção das atividades.
Conforme...
tracking img