Dosagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3112 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Dosagem de concreto pelo método IPT/ EPUSP

Dosagem de Concreto pelo Método IPTBate-papo com Carlos Eduardo de Siqueira Tango - Engenheiro Civil, Mestre e Doutor em Engenharia Civil pela EPUSP, com aperfeiçoamento no INSA-Lyon, França. Pesquisador nas áreas de cimento e concreto - atua no IPT desde 1974. Professor de graduação, pós-graduação ou especialização em concreto na EPUSP e no IPT.Membro, secretário ou presidente em diversas Comissões de Normalização ABNT. Autor de 67 publicações técnicas sobre cimento e concreto no Brasil e exterior. Inventor do compósito "Argamaço", do sistema interlaboratorial "PVC-reco" e do método "AMEBA" de previsão da resistência do concreto; um dos criadores do sistema "Referência Técnica IPT"; colaborador nas atualizações e disseminação do método "IPT"de dosagem de concreto. Recebeu o prêmio "L. A. F. Bauer" do IBRACON.Artigos:• Modelo matemático empregado atualmente na dosagem IPT (veja arquivo)• Incrementos recentes no método de dosagem IPT (veja arquivo).09/10/2001agregado: Você poderia nos dizer se o método IPT representa a obtenção de um melhor traço, uma melhor qualidade do concreto, ou ele apenas representa uma forma de trabalho maiseficiente?Entrevistado: Não posso responder que seja uma forma de trabalho mais eficiente que todas as outras, apenas que é bastante eficiente e satisfatória.Seiki: O método IPT apresenta correlações com os métodos mais utilizados atualmente ? Como são os resultados obtidos utilizando-se o método IPT com o método de Abrams ??Entrevistado: O método IPT utiliza-se dos princípios de Abrams, atualmente,usando apenas a velha curva de Abrams. Com relação ao módulo de finura, o método atual está voltado para o uso dos agregados disponíveis, acertando no laboratório a proporção ideal entre os mesmos e o cimento.Eng. Roberto: Como posso utilizar a metodologia do IPT para concretos de elevado desempenho?Entrevistado: Sim, inclusive você pode ver o nosso trabalho disponibilizado na página do chat doIPT.agregado: E quanto à qualidade do concreto? Você acha que utilizando o método IPT pode-se obter um concreto de melhor qualidade? E por que?Entrevistado: Tenho firme convicção que você poderá obter um concreto de desempenho requerido e bastante econômico com os materiais disponíveis em sua obra. É difícil saber qual método de dosagem é o melhor, pois existem inúmeros. Seria praticamenteimpossível fazer uma comparação isenta.Eng. Roberto: como posso utilizar o AMEBA para dosagem? qual a confiabilidade em prever a resistência?Entrevistado: A utilização do AMEBA tem sido feita com sucesso bastando ter resultados suficientes para duas curvas de Abrams às idades "baixa" e "média" para se extrapolar a curva de Abrams à idade "alta", geralmente igual a 28 dias.Tauil: As concreteiras utilizam ométodo de dosagem IPT?Entrevistado: Acho bom perguntar para eles. Acredito que algumas sim.Eng. Roberto: para silicas ativas, qual seria o valor do coefiente "n" no AMEBA, para CED?Entrevistado: Tem dado certo usar o valor 0,5.agregado: O que diferencia um concreto de alto desempenho? Apenas a dosagem de aditivos? Entrevistado: Boa pergunta! Alto desempenho, para mim, é o desempenho que eu estouprecisando. Esse conceito é muito relativo.Seiki: Comparando os resultados pelo método convencional,e com o método de dosagem do IPT, qual a eficácia do novo método ??? Qual a margem de erro que ela apresenta ?Entrevistado: Não efetuei comparações entre métodos de dosagem, portanto, não posso responder a primeira pergunta. Quanto à margem de erro, se estivermos falando das previsões de traço pelométodo AMEBA, pode-se esperar algo em torno de mais ou menos 10% de margem de erro.Eng. Roberto: Posso utilizar o Metodo IPT e o AMEBA para outras caracteristicas, como por exemplo permeabilidade?Entrevistado: O método AMEBA nunca foi usado para prever permeabilidade. Esse ensaio é de resultados extremamente variáveis. Mas a previsão AMEBA tem dado certo também com resistência à tração e módulo...
tracking img