Dolo inconsciente

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 23 (5650 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
3.1 – elementos da mente humana

Para entendermos como funciona a mente humana, o presente trabalho baseou-se nos estudos de Sigmund Freud, considerado o pai da psicanálise.
Para Freud, nada ocorre por acaso, ou seja, para cada pensamento, ação, sentimento ou uma memória revivida, existe uma causa. Cada evento mental é causado pela intenção (leia-se dolo) consciente ou inconsciente, sendodeterminado pelos fatos que o precederam.
A mente humana, segundo Sigmund Freud, está dividida em três partes, que são o consciente, o inconsciente e o pré-consciente.
Se compararmos a mente a uma casa, o consciente seria o andar principal, onde passamos a maior parte do tempo, o inconsciente seria o andar subterrâneo, conhecido como porão, lugar em que despejamos coisas antigas que não são maisutilizadas, porém, estão lá guardadas, e, por fim, o pré-consciente seria o sótão, funcionando como um censor moral.

3.1.1 - consciente

O consciente é uma pequena parte da mente humana, onde está tudo aquilo que estamos cientes num determinado momento, ou seja, é a parte do cérebro que pensa, raciocina, verificando se algo é bom ou ruim, agradável ou desagradável.
Essa parte da mente tem acapacidade de ter a percepção dos sentimentos, pensamentos, lembranças e fantasias do momento.
Embora essa parte da mente humana seja (fosse) de extrema importância, Freud concentrou maior parte dos seus estudos nas áreas da consciência menos expostas e exploradas, as quais foram chamadas por ele de inconsciente e pré-consciente.

3.1.2 – inconsciente

De acordo com o médico Sigmund Freud,todos os eventos mentais estão conectados, no entanto, quando um pensamento ou sentimento não estiver relacionado aos pensamentos e sentimentos que o precedem, as conexões estarão no inconsciente.
É a mente inconsciente que regula o sistema nervoso autônomo, o qual comanda as funções involuntárias do corpo, mantendo os batimentos do coração, a circulação sanguínea e a respiração dos pulmões.
Noinconsciente estão presentes, também, os elementos instintivos, os quais nunca foram conscientes, além do mais, há material que foi excluído da consciência, censurado ou reprimido. Todavia, esse material não é esquecido ou perdido, mas não se permite ser lembrado.
Os estudos comprovam que os processos mentais inconscientes não são ordenados temporalmente, ou seja, o tempo não os altera de formaalguma e a idéia de tempo não lhes pode ser aplicada.

3.1.3 – pré-consciente

O pré-consciente é uma parte do inconsciente, podendo se tornar parte do consciente, exercendo a função de um grande arquivo de memória, através do qual podemos ter acesso a lembranças de nomes, fatos recentes, dos lugares onde já moramos etc.
O sistema pré-consciente rege-se pelo processo secundário, ou seja, asenergias que transitam por ele estão ligadas e subordinadas a ação da censura (superego), assim todos os impulsos provenientes do inconsciente que atingem o campo consciente e a consciência, ao passar por ele, sofrem transformações (censura).
    A passagem dos impulsos do pré-consciente ao consciente e o movimento sofre uma segunda censura (moral) distinta daquela que o superego exerce na passagemdo inconsciente para o pré-consciente, que se faz em nível de deformação mais profunda. Esta segunda censura deforma menos, selecionando mais o que convém do que não convém, sendo assim mais qualitativa, evitando que venha para a consciência desejos e preocupações perturbadoras. Assim, favorece o exercício da atenção.
O pré-consciente é como uma vasta área de posse das lembranças de que aconsciência precisa para desempenhar suas funções
  
3.2 – estrutura da personalidade humana
A psicologia é a ciência que tem por finalidade estudar o comportamento humano, estudar os fenômenos mentais, as estruturas e o desenvolvimento da mente humana em seus diversos aspectos, tais como: consciência, vontade, linguagem, emoções, imaginação e memória. Busca, a partir da observação de...
tracking img