Direito

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1648 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Nome: Leonardo de Oliveira Sodré
Matricula: 62187
Turma B/Noturno
MACHIAVELLI, Niccolò. O príncipe. Ed. Ridendo Castigat Mores, versão PDF fevereiro de 2005. Fonte: www.ebooksbrasil.com

Pág. | Trecho | Observações |
10 | “[...] Estes domínios assim obtidos estão acostumados, ou a viver submetidos a um príncipe, ou a ser livres, sendo adquiridos com tropas outrem com as próprias, bemcomo pela fortuna ou por virtude.” | O trecho refere-se as formas de se adquirir um principado onde a partir de sua aquisição representará a forma de governo e a maneira como o governante se portará diante de seu principado. |
11 | “[...] a preservação dos Estados hereditários e afeiçoados a linhagem de seu príncipe são assaz menores que nos novos [...]” | Demonstra a relativa facilidade demanutenção do principado herdado, principalmente porque ele além de conhecido pode contar possivelmente com o carisma do antecessor. |
13 | “Mas é nos principados novos que residem as dificuldades.[...]” | O principado novo deverá iniciar sua consolidação sem que houvesse uma opinião formada sobre os soberanos anteriores devendo pois consolidar e manter sua soberania e o controle. |
24 | “Perdeu,pois, o Rei Luís a Lombardia por não ter respeitado nenhum dos princípios observados por outros que dominaram províncias e quiseram conservá-las. [...]” | Observamos que caso o conquistador não se preocupe em manter o principado conquistado ele será perdido. |
29 | “[...] Para Alexandre foi necessário primeiro encurralá-lo e desbaratá-lo em batalha campal sendo que, depois da vitória, estandomorto Dário, aquele estado tornou-se seguro para Alexandre [...]” | Percebe-se que quanto maior a dificuldade para conquistar um reino mais fácil será sua manutenção, pois o povo que ali se encontrava está disciplinado e reconhecerá que a conquista deveu-se a perda honrosa em batalha. |
31 | “Quando aqueles Estados que se conquistam, como foi dito, estão habituados a viver com suas próprias leis eem liberdade, existem três modos de conservá-los: o primeiro, arruiná-los; o outro, ir habitá-los pessoalmente; o terceiro, deixá-los viver com suas leis, arrecadando um tributo e criando em seu interior um governo de poucos[...]” | O trecho versa sobre as maneiras de se manter um território conquistado, usando a violência ou recursos políticos que influenciarão o povo conquistado de formasdiferenciadas, e demonstrarão o poder do conquistador. |
32 | “[...]E quem se torne senhor de uma cidade acostumada a viver livre e não a destrua, espere ser destruído por ela, porque a mesma sempre encontra, para apoio de sua rebelião, o nome da liberdade e o de suas antigas instituições[...]” | Um Estado livre jamais será conquistado e mantido sem que sua população acostuma a liberdade não sejacompletamente destruída, caso o novo soberano não a destrua certamente perderá ou encontrará grande dificuldade em manter o Estado conquistado, principalmente pela forte oposição do povo anteriormente livre sendo obrigado a se submeter a um novo sistema. |
40/41 | “Estes estão simplesmente submetidos à vontade e à fortuna de quem lhes concedeu o Estado, que são duas coisas grandemente volúveis einstáveis [...]” | Todo o Estado que é conquistado com recursos de outros estarão sujeitos aos desejos e vontades de quem patrocinou a conquista, fazendo com que o príncipe do novo Estado tenha que muitas vezes se submeter aos interesses de outros. |
55 | “[...] Oliverotto montou a cavalo, correu a cidade acompanhado de seus homens e assediou em seu palácio o supremo magistrado; em conseqüência,por medo, foram obrigados a obedecê-lo e formar um governo do qual ele se fez príncipe. E, mortos todos aqueles que, por descontentes, poderiam ofende-lo, fortaleceu-se com novas ordens civis e militares [...]” | A eliminação de seus opositores demonstra o poder que as armas podem ter para a conquista e manutenção de um Estado. O príncipe agora não possui opositores e conta com o medo dos que...
tracking img