Direito

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1140 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ATA DE AUDIENCIA

Aos 23 dias do mês de maio do ano de 2012, nesta comarca, de Paulista, neste juízo (júri simulado), presente comigo técnico judiciário Rafael Coelho que digitei, a Excelentíssima Senhora Juíza de Direito Waldenia Gabriel dos Santos, o representante do Ministério Público o Promotor de Justiça Irandi Antonio da Silva, e o Advogado de Defesa Elias Lopes Junior do Réus RicardoVergetti e Alexandre Gonçalves já qualificados no presente processo.
O conselho de sentença foi composto pelas seguintes pessoas :
Maria Almeida; Ivania; Maria; Leiliane; Priscila Dias; Dayse; Priscila Ribeiro.
Ao seguinte passou o Ministério Publico a interrogar a Testemunha de acusação compromissada conforme a lei, Claudio Fernandes já qualificada neste processo, que disse que não conhece avitima e que o acusado encontrou a vitima na frente da sua residência que lhe fez ameaças que por seguinte escutou disparos de arma de fogo e viu o acusado saindo com uma arma de fogo em punho.
Ao seguinte passou o Advogado de Defesa a interrogar a Testemunha de acusação compromissada conforme a lei, Claudio Fernandes já qualificada neste processo, que disse que o acusado ameaçou a vitima nafrente da sua residência que lhe fez ameaças que por seguinte escutou disparos de arma de fogo que o fato aconteceu por volta das 18h.
Ao seguinte passou o Ministério Publico a interrogar a Testemunha de acusação compromissada conforme a lei, Antonio Carlos Lorena já qualificada neste processo, que disse não conhecer o acusado e que a vitima não lhe era estranha pois já tinha visto a mesma passandoperto de sua casa que o acusado estava vestido com uniforme de construção civil que a vitima era uma pessoa idônea, que via da esquina de sua residência uma discurssão que o acusado fez cobranças a vitimas de uma quantia devida ao mesmo que depois que a vitima disse que não tinha dinheiro e ia pagar em um outro momento que após disso o acusado disparou com uma arma de fogo contra a vitima.
Aoseguinte passou o Advogado de Defesa a interrogar a Testemunha de acusação compromissada conforme a lei, Antonio Carlos Lorena já qualificada neste processo, que disse saiu de casa para comprar cigarro que no momento não estava fumando, que o acusado estava de bermudão mas não saiba a cor que o fato ocorreu por volta das 18h que não conhece a vitima apenas o via passar como se estivesse voltando dotrabalho.
Ao seguinte passou o Advogado de Defesa a interrogar a Testemunha de defesa compromissada conforme a lei, Alexandro Cavalcanti já qualificada neste processo, que viu o acusado disparando um tiro na vitima que não conhecia a vitima apenas o via passar que não nunca viu o réu em atitude suspeita.
Ao seguinte passou o Ministério Publico a interrogar a Testemunha de defesa compromissadaconforme a lei, Alexandro Cavalcanti já qualificada neste processo, que disse estar a uma distancia de 30m do fato que não se assustou no momento do estampido que viu a vitima correndo que viu por volta de cincos tiros que apenas um tiro atingiu a vitima que estava na praça por volta das 18h, hora que aconteceu o fato que não conhece a vitima nem o acusado apenas os via passar por la.
Aoseguinte passou o Advogado de Defesa a interrogar a Testemunha de defesa compromissada conforme a lei, William já qualificada neste processo, que o réu era uma pessoa tranqüila que não gostava de confusão que era uma pessoa de conduta exemplar que o mesmo usava drogas mas estava em tratamento que não viu o réu armado.
Ao seguinte passou o Ministério Público a interrogar a Testemunha de defesacompromissada conforme a lei, William já qualificada neste processo, que o réu era uma pessoa tranqüila que não gostava de confusão que era uma pessoa de conduta exemplar que o mesmo usava drogas e quando este usava não viu ele por lá que não conhecia a vitima que disse que confiava no acusado ate certo ponto mais não 100 por cento que mora na localidade há vinte anos.
Abre os debates neste momento passa...
tracking img