Desenvolvimento organizacional

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1046 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Técnicas de DO.
Várias técnicas de DO são utilizadas para fazer a colheita de dados, diagnóstico organizacional e ação de intervenção.
Etapas do Processo de DO.
1. Decisão da empresa de utilizar o DO ,Seleção do consultor.
2. Diagnóstico das necessidades pela direção e pelo consultor.
3. Obtenção dos doados apropriados.
4. Retroação de dados e confrontação.
5. Planejamento da ação esolução do problema.
6. Desenvolvimento de equipes.
7. Avaliação e acompanhamento.
Processo de Do em uma base contínua

1. Colheita de dados – 2. Diagnóstico organizacional – 3. Ação de intervenção.

1 - Técnicas de intervenção para indivíduos.
A Principal técnica de DO para as pessoas é o treinamento de sensitividade. É uma dinâmica de grupo destinada a reeducar o comportamento humano emelhorar as relações sócias, chamados “T – groups” ( grupos de treinamentos que recebem nomes como leraning groups, grupos de encontro, grupos auto-analiticos), tem por volta de 10 participantes, orientados em laboratórios (salas de aula ou área isolada ) por um psicólogo a fim de aumentar sua sensibilidade quanto as suas habilidades de relacionamento interpessoal.
O laboratório pressupõe o afastamentoda situação que o individuo ocupa na organização e a inexistência de relações hierárquicas entre os participantes. O objetivo é o autoconhecimento e o conhecimento do impacto que o individuo exerce sobre as outras pessoas, além do aperfeiçoamento da comunicação. Um dos problemas de sua aplicação é o retorno do individuo a situação normal de trabalho, quando a autenticidade da comunicação podecriar problemas com os demais indivíduos que não passaram ainda pelo mesmo tipo de treinamento. A técnica é inegável na melhoria da competência individual e interpessoal, diminuição da ansiedade e redução do conflito intergrupal.

2 – Técnicas de intervenção para duas ou mais pessoas.
É o DO bilateral ou de relações interpessoais. A Analise Transacional (AT) é a técnica mais conhecida, destinadaa indivíduos e não a grupos, pois analisa o conteúdo das comunicações entre as pessoas. O Objetivo é fazer com que as pessoas reconheçam o contexto de suas comunicações para torna – las mais abertas e honestas e endereçar as suas mensagens. Na AT são estudados:


a. Estados do eu
As pessoas apresentam mudanças nos sentimentos, atitudes e pensamentos conforme as pessoas ou situações com quese defrontam. Existem três estados do eu.
1. Pai. É o ego protetor ou dominante.
2. Criança. É o ego inseguro, frágil e dependente.
3. Adulto. È o ego maduro e independente, racional e logico.

b. Transações
Significa qualquer forma de comunicação, mensagem ou de relação com as demais pessoas. Cada pessoas se comporta de maneira diferente conforme as situações e pessoas envolvidas. A pessoapode assumir ou reagir como pai, criança ou adulto. Assim existem dois tipos de transações: as paralelas e as cruzadas.

1. Transações paralelas. Quando as pessoas A ajusta – se ao papel na qual a pessoa B a enquadra para melhor entendimento. As transações paralelas podem ser :
a. De pai para pai: as contra argumentações não permitem o acordo.
b. De pai para criança ou de criança para pai:desenvolve uma relação de protetor e submisso.
c. De adulto para adulto: as pessoas assumem comportamentos racionais, maduros, lógicos e equilibrados. É a transação mais desejável.
d. De criança para criança: comportamento emocional e inseguro das duas pessoas envolvidas.

2. Transações cruzadas ou bloqueadas. Quando a pessoa A não se ajusta ao papel no qual a pessoa B a enquadra, paralisandoou bloqueando o relacionamento. As transações cruzadas podem ser:
a. De pai para criança e de criança para pai: tratar a outra de forma dominadora.
b. De adulto para adulto e de pai para criança: quando uma relação madura é respondida por uma atitude dominadora.
c. De adulto para adulto e de criança para pai: quando uma inter- relação madura é respondida por uma atitude insegura, submissa e...
tracking img