Desafio de matematica da universidade anhanguera

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1698 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE
ANHANGUERA – UNIDERP
CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTANCIA

Curso Superior Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos

DESAFIO DE APRENDIZAGEM
Matemática

Universidade Anhanguera - Uniderp
Centro de Educação a Distância

Semestre: 2° semestre Período Letivo: 2011/2
Disciplina: Matemática
Tutor Presencial: Zoraide Menezes
Tutor EAD: Me. Pedro Hiane
Acadêmicos:
DucíliaBrito Ormond Portela - 294164
Luzitânia Ferreira Coelho dos Santos - 297607
Zilma Neves Zieberg – 301337

RONDONOPOLIS/MT
2011


Universidade Anhanguera - Uniderp
Centro de Educação a Distância

MATEMÁTICA

Trabalho apresentado ao curso de Recursos Humanos da universidade Anhanguera – Uniderp para a disciplina matemática.
Professor: Me.Pedro Hiane.

INTRODUÇÃO

Na matemática, o estudo de função é dividido basicamente em características, tipos e elementos de uma função como, por exemplo: função do primeiro e segundo grau e a função exponencial.
E este desafio de aprendizagem tem por objetivo defini-las e conceituá-la dentro de cada contexto baseado em suas formas e funções dentro da matemática básica.

MATEMATICA APLICADAEM FUNÇÕES

Função
Dados dois conjuntos A e B não vazios, função é um conjunto de pares ordenados (x, y), onde x pertence ao 1° e y pertence ao 2° conjunto se:
- todos os elementos x do 1° conjunto se relacionam com elementos y do 2° conjunto.
- cada elemento x do 1° conjunto deve-se relacionar com apenas um elemento y do 2° conjunto.
Exemplo:
A B
0 1
2 3
4

f: AB= {(0,1),(2, 3),(4, 3)}
Domínio
É o conjunto de todos os elementos x pertencentes ao 1° conjunto.
Contra- domínio
É o conjunto de todos os elementos y pertencentes ao 2° conjunto.
Imagem
É o conjunto de todos os elementos y pertencentes ao 2°conjunto que se relacionam com os elementos x pertencentes ao 1° conjunto.
Exemplo:
A={0,2,4}
B={1,3,5,7}
f:AB= {(0,1),(2,3),(4,5)}
Df={0,2,4}=ACDf={1,3,5,7}=B
Imf={1,3,5} Imf C⊂ CDf

0 1
2 3 Imf
4 5
7

Gráfico
Para descobrir se um gráfico representa uma função, traçam-se retas paralelas ao eixo y dentro do seu domínio e todas elas devem cortar o gráfico cada uma em um único ponto.
Para construir um gráfico de uma função conhecendo a sua lei de formação, constrói-se uma tabela atribuindo-se valores para x eencontrando-se os valores de y correspondentes.
Exemplo:
F(x)=2-x
X y=2-x
-2 2-(-2)=2+2=4(-2,4)
-1 2-(-1)=2+1=3(-1,3)
0 2-0=2(0,2)
1 2-1=1(1,1)
2 2-2=0(2,0)

Y
. 4
. 3
.2
1 .
-2 -1 0 1 .2 x

f(x)
Classificação das funções
Função sobrejetora
Uma função é sobrejetora quando todos os elementos y do contra-domínio se relacionam com os elementos x dodomínio.
Função injetora
Uma função é injetora, quando os elementos y do contra-domínio que se relacionam, o fazem com apenas um elemento x do domínio.
Função bijetora
Uma função é bijetora quando for, simultaneamente, sobrejetora e injetora.
Função par
Uma função é par quando possui a mesma imagem, para valores opostos de x, para todos os elementos do domínio.
Função ímpar
Uma função é imparquando possui imagens opostas para valores opostos de x, para todos os elementos do domínio.


Função do 1° grau
Função do 1° grau é toda função definida por f(x)=ax+b, onde a ∈ R e b ∈ R.
Exemplo:
F(x)=-2x+5

a=-2
b=5

Gráfico
O gráfico da função do 1° grau é uma reta do plano cartesiano.
F(x)=ax+b
Coeficiente angular ou declividade da reta
A>0 reta crescente
A=0reta constante
A<0 reta decrescente

Coeficiente linear ou termo independente
O coeficiente linear indica onde a reta corta o eixo y
b>0 a reta corta o eixo y acima da origem
b=0 a reta passa pela origem
b<0 a reta corta o eixo y abaixo da origem

Zero da função ou raiz
É o valor de x para o qual a função se anula
É onde o gráfico corta o eixo x.
F(x)=0
Ax+b=0
Ax=-b...
tracking img