Democracia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (412 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Acompanhando os veículos de comunicação do nosso país, me debati com uma reportagem que no mínimo se torna intrigante. Tratando-se de economia, alguns princípios no nosso país vão contra a condutanormal do mercado, mas não só isso, contra nossa própria legislação, onde temos a constituição que prevê que TODOS são iguais perante a lei.
De acordo com um levantamento feito pelo nosso governo, emtodo o país, milhares de pequenos agricultores não têm condições de pagar dívidas assumidas com o Estado há alguns anos atrás. Sendo assim, o governo aprovou a Lei 12.249 de junho de 2010, onde asdívidas assumidas com o país podem ser renegociadas com descontos de 45% a 85%, prevendo além disso, anistia em contratos assinados até 2001 a agricultores que devem até R$ 10.000,00.
Mesmo assim, deacordo com os agricultores, isso não é suficiente. Afirmando que praticamente todos os anos acontecem estiagens ou outras catástrofes ambientais, os pequenos agricultores garantem que não existe apossibilidade de quitação desses débitos. Assim, o governo se propôs a liberar nova linha de crédito de até R$ 20.000,00 para pagamento dos valores em aberto, mas novamente a liderança da agriculturafamiliar do estado do Rio Grande do Sul se impôs: pedem aumento da linha de crédito de R$ 20.000,00 para R$ 30.000,00, ampliação do prazo de pagamento de 7 para 13 anos e como se não bastasse um desconto de46% nas parcelas pagas em dia daqui para frente.
Assim como a agricultura, as empresas também movem nossa economia, gerando emprego e renda para o país. Nesse cenário, muitas empresas também possuemdívidas com o Estado, mas qual o seu poder de negociação com o mesmo? Qual o abono ou anistia os empresários que sustentam trabalhadores e suas famílias ganham do governo em troca de uma manutençãosustentável de suas organizações? Porque a carga tributária das empresas é tão alta? Seria para cobrir essas dívidas de outros setores da economia?
Estamos em uma real democracia? Acredito que não....
tracking img