Darwin

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 34 (8338 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
MARTINS, MaurÃcio Vieira. De Darwin, de caixas-pretas e do surpreendente retorno do 'criacionismo'. Hist. cienc. saude-Manguinhos,  Rio de Janeiro,  v. 8,  n. 3, dez.  2001 .   DisponÃvel em <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-59702001000400013&lng=pt&nrm=iso>. acessos em  27  jul.  2012.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-59702001000400013.De Darwin, de caixas-pretas e do surpreendente retorno do 'criacionismo'On Darwin, black boxes and the amazing return of 'creationism'                       Maurício Vieira MartinsProfessor do Departamento de Sociologia da Universidade Federal Fluminense 
Rua Santa Clara, 256/803 
22041-010 Rio de Janeiro — RJ Brasil 
mvm@unisys.com.br | |  MARTINS, M. V.: 'De Darwin, de caixas-pretas e dosurpreendente retorno do 'criacionismo''. 
História, Ciências, Saúde — Manguinhos, vol. VIII(3): 739-56, set.-dez. 2001.Tendo em vista a equiparação, no segundo semestre de 1999, da teoria da evolução de Darwin ao texto bíblico do Gênese nos currículos escolares de um estado norte-americano, o artigo discute o fortalecimento (ainda que setorial) do 'criacionismo', antiga concepção que apresentaa origem do mundo e do homem como resultado de um ato de criação divina. Com este objetivo, procedeu-se, num primeiro momento, à análise do livro A caixa-preta de Darwin, do bioquímico Michael Behe, que, mesmo não se assumindo como tal, é possivelmente o representante mais sofisticado desta concepção. Num segundo momento, apresentam-se algumas hipóteses acerca das condições históricas e sociaisque tornaram possível esta expansão do criacionismo. Ênfase especial foi dada àquilo que alguns cientistas sociais recentes nomeiam como o 'reencantamento do mundo', processo que diz respeito a uma demanda muito acentuada por explicações místicas que garantam um sentido para o que ocorre no fragmentado mundo contemporâneo.PALAVRAS-CHAVE: Darwin, evolucionismo, criacionismo, 'reencantamento domundo', antropomorfização. MARTINS, M. V.: 'On Darwin, black boxes and the amazing return of 'creationism''. 
História, Ciências, Saúde — Manguinhos, vol. VIII(3): 739-56, Sept.-Dec. 2001.On the second half of 1999, a North-American state ruled that Darwin's Evolution theory and the biblical Genesis should have the same relevance in its schools program. Considering this event, the present articlediscusses the strengthening (even though restricted) of 'creationism', the old concept that presents the origin of the world and of Man as the result of divine creation. Consequently, at first, we analyzed Darwin's Black Box, a book by biochemist Michael Behe's, who is probably the most sophisticated representative of such concept, although he does not consider himself so. Secondly, we present somehypothesis on the historical and social conditions that enabled the expansion of creationism. Special emphasis was given to that which some social scientists recently called 'the re-enchantment of the world', a process related to a demand characterized by mystical explanations that ensures significance to the fragmentation of the contemporary world.KEYWORDS: Darwin, evolutionism, creationism,'the re-enchantment of the world', anthropomorphization.  |

|     No segundo semestre de 1999, as autoridades educacionais do Kansas, nos Estados Unidos, decidiram equiparar a teoria da evolução de Darwin ao texto bíblico do Gênesis nos currículos escolares daquele estado. Tal decisão, que vale desde o que corresponderia ao nosso ensino básico até o final do segundo grau, constitui mais umcapítulo de uma antiga disputa que opõe os defensores da criação divina (criacionistas) aos evolucionistas. Só que, dessa vez, a disputa assume feições singulares que merecem ser analisadas com cuidado, tendo em vista a emergência de uma produção acadêmica especializada, de fundo religioso, funcionando como base conceitual que dá suporte a tal tipo de decisão (lembremos que não é o primeiro estado...
tracking img