Cultura organizacional

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (258 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Em termos de cultura organizacional, apesar das conceituações se apresentarem com nuances e mesmo diferenças, em um aspecto parece haver certo consenso entre osestudiosos, que é o de atrelar cultura organizacional ao condicionamento dos integrantes de uma dada organização no que tange às ações e aos comportamentos socialmente aceitospela mesma.
Para pôr em evidência o que foi afirmado acima sobre cultura x comportamento, far-se-á um resgate das conceituações entabuladas por diferentes autores. Dentreos autores consagrados, encontra-se Edgar Schein. Para esse autor (1984, p. 4) A cultura organizacional é o modelo dos pressupostos básicos, que determinado grupoinventou, descobriu ou desenvolveu no processo de aprendizagem para lidar com os problemas de adaptação externa e interna. Tendo funcionado bem o suficiente para seremconsiderados válidos, esses pressupostos são ensinados aos demais membros como sendo a forma correta de se perceber, de se pensar e sentir em relação a esses problemas.
SegundoSchein (1984), para que se possa compreender a cultura de uma organização há que se ter em conta:
•o nível dos artefatos e das criações: a arquitetura, o layout, osmodelos de comportamentos visíveis e invisíveis, a maneira como as pessoas se vestem, cartas, mapas;
•o nível dos valores, em geral, valores manifestos;
•o nível dospressupostos inconscientes: as pessoas compartilham valores que levam a determinados comportamentos que ao se mostrarem adequados na solução de problemas vão se transformandoem pressupostos inconscientes.
Uma vez identificados esses diferentes níveis, os dirigentes teriam condições de favorecer, criar ou mudar a cultura de uma organização.
tracking img