Cultura organ

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1893 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Cultura Organizacional
A cultura é um fenômeno humano e por sua amplitude de implicações, deve ser estudada com o auxílio de mais de um ramo do conhecimento. Fleury (1996, p.15-16) assim se expressa: "A nosso ver é possível distinguir três tipos de postura com referência à investigação dos fenômenos culturais das organizações. A postura empiricista ... A postura do antropólogo ... A postura doclínico ou terapêuta".
Estas posturas indicam a utilização de três ramos do conhecimento que estudam o comportamento humano como chave de leitura para decifrar a cultura: Antropologia, Sociologia e Psicoantropologia. Neste sentido, será conceituada a cultura de acordo com as três ciências citadas, descrito os aspectos da formação e discutidas algumas características da cultura, tais comocrenças, valores, costumes, ritos, cerimônias, redes de comunicação, bem como algumas fronteiras desta com o comportamento das pessoas.
 
O Conceito de Cultura
• A visão da Antropologia sobre a cultura parte do próprio objetivo desta ciência, expresso por Marconi e Presotto (1989, p.21) nos seguintes termos: "Como ciência da humanidade, ela se preocupa em conhecer cientificamente o ser humano na suatotalidade". Os estudos antropológicos são geralmente realizados em sociedades primitivas, por considerar que tais sociedades possuem estruturas culturais menos complexas, o que pode facilitar o trabalho do pesquisador. Neste sentido, o pesquisador da Antropologia normalmente vive com o grupo estudado como se fosse um membro nativo, até identificar o significado dos diversos símbolos, sejam elesconcretos como os artefatos ou subjetivos como a linguagem ou os ritos e cerimônias.
Em sua história, de acordo com Kuper (1978), a Antropologia desenvolveu escolas de pensamento, que interpretam a cultura sob diferentes aspectos:
a) Evolucionismo: considera o desenvolvimento da cultura como dependente de fases anteriores. Neste sentido, a situação atual de uma cultura é conseqüência da anterior.Para esta escola o que diferencia a cultura de um povo de outro é a fase de evolução em que estes se encontram. Em conseqüência, afirmam que todas as culturas poderão conquistar o mesmo grau de sofisticação;
b) Difusionismo: a interação entre culturas, através da difusão de artefatos que representam e expressam seus valores e crenças, é o aspecto de maior significado para a mudança cultural;c) Funcionalismo: esta escola considera a utilidade dos elementos culturais, atribuindo a cada um uma função específica bem como a respectiva identificação com os valores e crenças, sem a qual os elementos deixam de existir;
d) Configuracionismo: identifica a cultura como uma rede quase infinita de significados, com destaques a alguns que determinam o tom da cultura, dos quais os demaiselementos são derivados ou mantêm relação de dependência;
e) Estruturalismo: parte da visão sistêmica, como o configuracionismo. Estuda a cultura considerando-a uma estrutura de trocas como meio de interação, tanto em nível de indivíduos dentro do grupo, como dos grupos em uma sociedade. Algumas culturas trocam mercadorias internamente, outras apenas externamente.
Pode-se concluir que, na visãoantropológica, a cultura representa um conjunto de símbolos (artefatos, língua, estrutura familiar, etc.) partilhados pelos membros de um grupo de pessoas. Na organização, a qualidade e a quantidade das instalações e dos materiais consumidos e produzidos, a ordem do lay out, as características de embalagem dos produtos, etc., são exemplos de artefatos. Através destes, podem ser identificados valores dacultura da organização.
A Sociologia, nascida em épocas de revolução industrial e do despertar do racionalismo na Europa, estuda as estruturas sociais. No enfoque cultural a sociologia estuda os relacionamentos sociais para entender a formação da identidade do indivíduo e da coletividade. Habermas (1983, p.15) apresenta o modelo do agir comunicativo, derivado da mudança da compreensão...
tracking img