Crise financeira

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (474 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A primeira vez que os líderes mundiais se reuniram para discutir uma nova ordem monetária foi em Bretton Woods, em 1944, perto do fim da Segunda Guerra Mundial. Os acordos foram uma iniciativanorte-americana de apregoar o capitalismo mundial, a partir da definição de regras para a atuação de Estados, bancos e empresas no cenário financeiro. Naquele momento foi estabelecido o dólar como padrãomonetário internacional vinculado ao ouro. Foi determinado também um conjunto de regras para regular a política macroeconômica internacional e doméstica, como o regime de câmbio fixo. Além disso, foramcriadas instituições que seriam o signo dessa nova era de domínio econômico norte-americano, o Banco Mundial e o Fundo Monetário Internacional.

Essa arquitetura financeira foi parcialmentedesmontada na década de 1970, e foram diversas as razões que levaram ao fim do regime de Bretton Woods, incluindo as crises do petróleo de 1973 e 1978, que culminaram na crise do dólar, fato que acaboulevando à substituição do padrão dólar-ouro pelo padrão vigente hoje, dólar-dólar. Desta forma, a partir do fim da Guerra Fria, que levou com ela o modelo bilateral de governança mundial, passa a reinar ummundo em que as organizações internacionais técnicas se fortalecem e os regimes internacionais se estabelecem. Porém, no âmbito financeiro, isso não se concretiza e os Estados passam a atuarpraticamente sem nenhuma regra, de maneira arbitrária.

Hoje, a questão da taxação dos fluxos financeiros como forma de controlá-los se torna uma discussão relevante para a análise da políticamacroeconômica, devido à repercussão da crise financeira deflagrada no setor imobiliário e bancário norte-americano em 2007 e que se disseminou pela economia mundial nos anos de 2008 a 2010.

A atual criseeuropeia, que tem um perfil diferenciado da crise financeira norte-americana, originou-se dos efeitos mundiais da primeira. Ambas tiveram graves efeitos sobre a economia real, gerando corte de gastos...
tracking img