Costumes argentina

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (274 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Os Argentinos têm muitas coisas em comum com os gaúchos do sul do Brasil. Bebem chimarrão, comem muita carne, têm influências europérias, (sobrenomes, etnia ecostumes), falam com uma entonação parecida, e dizem “bá” e “tchê”. Nas cidades gaúchas que fazem fronteira com a Argentina, o sotaque é tão semelhante que algumas palavrassão pronunciadas como no espanhol.
Argentina abriga uma das maiores comunidades judaicas fora de Israel. Grande parte se concentra no bairro portenho, El Once eVilla Crespo.
A maioria das pessoas, se cumprimentam apenas com um beijo. Inclusive homens, exceto em ambientes mais formais como no trabalho ou com pessoas maisvelhas.
A parcela mais pobre, excluída e discriminada é constituída por descentens de ameríndios, a maioria imigrantes das províncias do interior da Argentina e de paísescomo bolívia, Paraguai e Peru.
Praticamente não existem negros em Buenos Aires. Os que moram lá são imigrantes de países como Costa Rica e Repúblico Dominicana.Grande parte da popução da cidade no século XIX era de negros, mas diz-se que todos morreram de uma epidemia de febre amarela no final deste século.
Os argentinos têmuma admiração quase fanática pelo Maradona, muito mais que a que os brasileiros têm pelo Pelé. Considerado na Argentina com unhas e dentes o melhor jogador do mundo,ele está por toda a parte.
Moedas na argentina são valisosas. São usadas os telefones públicos, e nos ônibus que não aceitam notas. É quase impossível conseguir trocarnotas por moedas em lojas ou bandas de jornal sem comprar alguma coisa.
O consumo de vinho per capita é o maior da América Latina, comparável a padrões da Europa.
tracking img