Contabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (713 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Honestidade, Virtude Magna no Campo Profissional.

Se, algo é confiado a alguém, seja o que for, passa a requerer a fiel guarda, a lealdade, a sinceridade e um propósito firme de intransigenteprobidade. Tudo isso se consubstancia no respeito para com o que é de terceiros , com tributo a confiança que é depositada; tais atos, quando praticados no campos da virtude, caracterizam a Honestidade.Sob esse aspecto a honestidade situa-se como uma compatível pratica do bem com a confiança depositada por terceiros em alguém.

A vida em comum exige, pois a probidade; nesse sentido éimprescindível que cada um tenha conhecimento dos limites de seus espaços e posses em relação aqueles de seus semelhantes.

É necessário ser honesto, parecer honesto e ter o ânimo de se-lo, para que exista apratica do respeito ao direito de nosso semelhante.
A subtração indevida, do direito de terceiros, é uma lessao ao que é honesto.

Se um contabilista utilizara seu favor o dinheiro entregue a elepor um cliente, para pagar impostos deste, fere a ética profissional, pelo rompimento da honestidade.

Muitos são os atos que ferindo aos interesses patrimoniais, morais, de imagem. Podem serpraticados em lesão á confiança que alguém deposita em uma pessoa. Por isto a amplitude conceptual de honestidade é grande e em muitos aspectos se mescla com a de honra.

Não se pode entretanto, confundir aintransigência com a honestidade, nem com os atos de um puritanismo imbecil e que vê o mal em tudo; o ato desonesto tem que ser lesão á confiança e á virtude e atingir notoriamente a terceiros.

Umdos fatores que mais tem caracterizado a desonestidade é a fascinação pelo lucro, privilégios, e benefícios fáceis, pelo enriquecimento e desfrute ilícito.
Não podemos encontrar justificativas nessadesordem social para consagrar atos desonestos. Um erro, outro não justifica.
Seria sofismo aceitar como moral a norma e o costume que lesa o interesse de maiorias, em favor de poucas pessoas e...
tracking img