Contabilidade gerencial

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3406 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 3

2 DESENVOLVIMENTO 4
2.1 PESQUISA DE CAMPO EMPRESA INDUSTRIAL 4
2.1.1 PESQUISA DE CAMPO EMPRESA COMERCIAL 4
2.1.1.1 UTILIZAÇÃO DA CONTABILIDADE NAS EMPRESAS PESQUISADAS 4
2.1.1.1.1 PARECER SOBRE CONTABILIDADE GERENCIAL 4

4 CONCLUSÃO 7

REFERÊNCIAS 8

INTRODUÇÃO

A Contabilidade Gerencial proporciona aos seus usuários internos,através de suas ferramentas, informações importantes para o gerenciamento e administração da empresa, com foco na eficiência dos processos, redução de custos, melhor formação do preço de venda dos produtos, conhecimento do retorno de cada produto e rentabilidade dos negócios.
Visando conhecer a aplicabilidade da Contabilidade Gerencial, na prática, pelas empresas, é que desenvolvemos essetrabalho de campo, nele buscamos verificar o conhecimento dos empresários sobre a Ciência Contábil e sua importância na tomada de decisão.

DESENVOLVIMENTO

Por longo espaço de tempo, a contabilidade foi utilizada apenas como um sistema de informações tributárias, no entanto hoje em dia, num ambiente onde o mercado é altamente competitivo, a contabilidade passou a ser vistatambém como um instrumento gerencial que auxilia os empresários na tomada de decisão, e no processo de gestão, planejamento, execução e controle.
De maneira geral, todo o procedimento, técnica e informação realizados para que a administração as utilize nas tomadas de decisões entre alternativas de conflito, recai na contabilidade gerencial. Conforme Garrison (2007 p.21):A Contabilidade Gerencial preocupa-se mais com o futuro, dá menos ênfase à precisão, enfatiza segmentos de uma organização (em lugar da organização como um todo), e não é governada por princípios contábeis aceitos, além de não ser obrigatória.

1 PESQUISA DE CAMPO DE UMA EMPRESA INDUSTRIAL

Nosso primeiro trabalho de campo se refere a uma empresa que atua no ramo da construçãocivil. A sua história começa em 1833, na França, numa pequena cidade, com a exploração de calcário, na mesma época em que, na Inglaterra, era inventado e desenvolvido o Cimento Portland. Esta empresa, denominada Lafarge, rapidamente evoluiu para a fabricação de cimento. Obteve seu primeiro grande contrato na construção do Canal de Suez (1864). No final do séc. XIX ultrapassa as fronteiras daFrança ao adquirir uma fábrica de cimento na Inglaterra.
Desde então, a Lafarge não tem parado de crescer. Líder mundial em materiais de construção, com posições de destaque em todas as suas atividades de negócios (cimento, concreto, agregados e gesso), está presente em 78 países com 78 mil empregados. Presente no Brasil desde 1959, a Lafarge possui 1600 empregados no país e unidadesindustriais nos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Paraíba, Bahia e Pernambuco, além de representantes comerciais em todo o Brasil. Na divisão Cimento, a Lafarge conta com oito fábricas e estações de moagem nas cidades de Arcos, Matozinhos, Montes Claros, Santa Luzia (MG), Caaporã (PB), Cantagalo (RJ), Candeias (BA) e Cocalzinho (GO). Em volume de vendas de cimento, ocupa aquarta posição no Brasil. No Concreto, a empresa possui 52 unidades nos estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo. Para a produção de Agregados, conta com três áreas de mineração de grande porte, no Rio de Janeiro e em São Paulo. Na divisão Gesso são duas fábricas em Pernambuco, nas cidades de Petrolina e Araripina.
A Lafarge trabalha com todos os atores da construçãocivil brasileira, desde o autoconstrutor até grandes construtoras, empresas de engenharia e designers. Seja fornecendo cimentos de alta qualidade para profissionais especializados ou ajudando arquitetos a explorar e desenvolver métodos construtivos inovadores, a Lafarge Brasil tem o compromisso de oferecer soluções que se adequem às necessidades de todos os seus clientes.
Os...
tracking img